Guias de Viagem e Arte

 
 
abr 26 2012

Compras em Cusco

Para quem curte uma compra, Cusco é uma tentação. Tanto no Tour do Valle Sagrado, que para uma hora no apaixonante e multi-colorido Mercado de Pisac, como nos mercados distribuídos pela cidade junto à Calle El Sol, e nos ateliês das ruelas do Bairro de San Blas.

Para ir de mercado, e de quebra ainda entrar num supermercado ? 🙂 pegue a Calle El Sol, que sai da Plaza de Armas, a principal da cidade, onde está a Catedral. De quebra verá os fundos de Qorikancha, e um enorme mural dedicado ao Deus Sol.
Cusco - Peru
Cusco - Peru

Do teu lado direito, o primeiro mercado artesanal, bem rústico, mas me pareceu bem mais autêntico que o segundo – Mercado Artesanal de Productores Inti Padarek. Mesmo não sendo muito “compreira”, quem visita este blog sabe que O-D-E-I-O carregar com o que seja, não resisti a uma toalha de tom de fundo pink, que me custou aproximadamente 15 reais. Isso sem pechinchar 🙁 arte que não domino ? E quando vejo que o trabalho valeria ainda mais, evito.
Cusco - Peru
Compras em Cusco - Peru

Continue pela Calle El Sol, e numa espécie de praça, do lado esquerdo terá o Centro Artesanal de Cusco. Grande, com muita oferta. De lá para o Supermercado Mega. Comprei chá de coca, em saquinhos, tudo legal. But, no Aeroporto de Cusco, no voo para Lima, abriram minha mala, e para não deixar para a Polícia, preferi dá-los ao senhor que realizou meu transfer. Eram bem baratos, nada para chorar pelo preço, mas bem pelo prazer da bebida em si, que adorei. Assim como o chá de muña.
Cusco - Peru
Cusco - Peru

Outra compra que aumentou o prazer durante e depois da viagem, o livro: “Cusco y el Valle Sagrado de los Incas”, de Fernando E. Elorrieta Salazar e Edgar Elorrieta Salazar. Editora Tankar. Custou 55 nuevos soles (39/40 reais), e foi o segundo melhor investimento da viagem. Explica em detalhe, mas sem ser chato. Linguagem coloquial, que vai fazer com que você fique ainda mais fascinado com tudo que viu na aventura peruana. Comprei numa livraria de Cusco, mas também vendem pelo memso preço na entrada dos principais atrativos.
Livro sobre Cusco e o Vale Sagrado

O melhor investimento, em termos de compras, uma tela do Arcanjo Uriel pintada pelo artista cusqueño Pacheco Venero Luis Alfredo. Ele oferece telas em diferentes tamanhos, se tiver espaço ainda pode levar as molduras em madeira de lei. O que obviamente não era meu caso (snif snif). Na pintura cusquenha, os anjos mostram características cristãs e outras relacionadas aos incas. Trabalham cores fortes, e detalhes em baixo-relevo dourados. O Bairro de San Blás é onde estão a maioria dos atelies dos artistas. Vale a pena conhecer o Pacheco, que vende seus quadros na Calle Cuesta San Blas, 567. Não vou colocar o valor que paguei, porque me acompanhou uma amiga, que era amiga do pintor, assim ele me fez um preço muuuuito especial. Mas acredito que com 100 nuevos soles (70 reais) você possa comprar uma tela de formato mediano.
Cusco - Peru
Cusco - Peru

Compras em Cusco

Você que já foi a Cusco, o que trouxe de lembrança?

Veja todos nossos posts do PERU

Busque e reserve seu hotel em CUSCO, clicando aqui. Assim você conseguirá ótimos preços, poderá cancelar sem taxas sua reserva (excepto em alguns casos quando se tratam de promoções!) e ainda ajudará a manter atualizado este blog. Obrigada

Nem pense em viajar sem seguro, a gente facilita as coisas te oferecendo um desconto de 15% \o/ Clique aqui, e para ganhar o desconto neste mês de maio, coloque o código: MAIO%DESC.Para ver os descontos em outros meses, clique aqui

Posts relacionados:
Como é o City-Tour em Cusco: da Catedral ao incrível Saqsaywaman
Hotel boutique num bairro descolado de Cusco – Casa San Blás
Para comer em Cusco – de comidinhas a chef internacional
Boleto Turístico de Cusco – você vai precisar dele para fazer o basicão
Como é o Tour do Vale Sagrado Inca

fotos: turomaquia_2011

10 Comentários

  1. Adri Lima

    Paty, estive em Cusco em 2005 e na época li sobre o trabalho de Pablo Seminario, em Urubamba. Estive no ateliê dele, muita coisa linda e pra todos os bolsos. O site é http://www.ceramicaseminario.com.
    Bjo!

    responder
    • Patricia de Camargo

      Adri, brigaduuu pela dica 🙂

      responder
  2. Marli

    Bem…foram pinturas, livros, tecidos…afinal eu vivi em Cuzco durante um ano…foi espetacular…apenas conhecendo a cultura..uma experiência inesquecível na minha vida…amei seu blog

    bjs

    responder
    • Patricia de Camargo

      Uau Marli, um ano, que gostoso! Espero vê-la mais vezes por aqui 🙂

      responder
  3. Silvana Lima

    Oi Patricia, super obrigada pelas dicas.
    Voce sabe me dizer o que eu não poso trazer para Brasil?
    grata

    responder
    • Patricia de Camargo

      Silvana, eu fiquei triste porque comprei o chá de coca que adorei e me tiraram no aeroporto de Cusco 🙁

      responder
    • Claudio Zenha

      Patricia, meu interesse maior, além do passeio, é claro,adquirir quadros cuzquenhos,telas sem molduras, para viabilizar trazer uma substancial quantidade.Gostaria de saber se tem limite quantitativo e/ou pecuniário, e se tiver, qual seria a percentagem do imposto a pagar,se necessário,tanto no Peru como no Brasil.
      Obrigado pela atenção

      responder
      • Patricia de Camargo

        Claudio, ñ sei informar os valores dos impostos, mas lembre que existe uma quota de U$ 500,00 para deslocamentos aéreos, e que tudo que passe deste valor paga imposto, bem como qualquer mercadoria que mesmo abaixo deste valor configure comércio, como seria teu caso com uma compra substancial de um tipo de objeto. Dá uma olhada neste link: http://www.brasil.gov.br/turismo/2014/07/confira-o-que-e-permitido-trazer-do-exterior-sem-pagar-imposto

        Um abraço

        responder
        • Claudio Zenha

          Patricia, muito obrigado por suas informações, vc foi muito gentil e esclarecedora.

          responder
          • Patricia de Camargo

            Fico feliz Claudio!

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • O inverno em New York, desde a sala de esculturas do século 19 do @metmuseum 
#repensando2018 #metmuseum #rodin #newyorklike #historiadaarte
  • Quem você reencontrou este ano e que te faz bem à alma?

Eu encontrei minha amiga @isabelmpoliveira em Lisboa. Com ela, o sorriso rola solto, sem contar que é uma pessoa que sempre me mostra uma Lisboa diferente. Brigaduuuu amiga mía!

#repensando2018 #lisboa #viagens2018
  • Na rota dos Patrimônios da Humanidade se encontra este outro mosteiro, o de Alcobaça. Este edifício é gigantesco e começou a ser construído em 1.178 🙀

A entrada custa 6€ e vale cada centavo! 
#alcobaça #patrimoniomundial #portugal #roteiroportugal #arquiteturamedieval
  • No mosteiro da Batalha construído para pagar uma promessa. D.  João I prometeu construí-lo após vencer a Batalha de Aljubarrota em 14 de agosto de 1385.

Adorei o mosteiro e a pequena cidade que nasceu ao seu redor. O mosteiro abre todos os dias, exceto 1/1; 1/5 e 24/25 de dezembro.

A entrada custa 6€. #batalha #portugal #portugalovers #arquiteturaportuguesa
  • Passei o ano inteiro assim, de um lado para outro. Por isso, neste momento meu desejo mais profundo é ter 10 dias sem fazer nada. Levantar sem nenhuma missão, caminhar sem propósito, só pensar na próxima refeição e na série que me resiste, nada mais! E vc, neste dezembro, qual seria seu desejo profundo?

#desejos #lisboa #maat #lifeisstrange #pensamentododia💭
  • Um dos novos mirantes mais legais de LISBOA, a parte de cima do MAAT.  Aproveita que é grátis e com o € economizado, visita seu vizinho, o impressionante Museu Nacional dos Coches. O melhor e mais completo museu de carruagens do mundo!

Qual é teu mirante favorito em Lisboa?

#lisboa #maat #lisboalovers #beautifullisbon #museunacionaldoscoches🐎🐎🐎

Follow Me!