• Pouca gente relaciona um bate-e-volta à Lisboa com uma praia paradisíaca. Mas o certo que a menos de 50 quilômetros da capital você dá de cara com uma cidade que é uma graça, do seu porto pega um barco que num pif-paf te deixa na Península de Tróia. Pouco conhecida pelos brasileiros, mas que por […]

    9
  • Há muitos anos as alpargatas estão presentes no closet do europeu. Mas se no verão passado elas ganharam um “up”, neste 2014 a oferta é incrível, começa com Chanel, Gloria Ortiz, Valentino, Marc Jacobs e chega aos fast-shops como Zara, Mango e Top Shop.

    2
  • Gente do meu coração, hoje é um dia muito importante para o Turomaquia. Acaba de ser publicado nosso quarto guia, e o primeiro em parceria com uma editora. Tô feliz? Não, o seguinte Por que um Guia do Louvre? Este guia estava pensado desde que criei a série “Viajando na Arte” e lancei o e-book […]

    10
  • Já comentei por aqui, que para quem curte uma boa gastronomia, a região italiana da Emilia-Romagna é mais do que um prato cheio. Trocadilhos infames à parte, pouca gente neste mundão não curte um bom queijo. Eu conheço até uma blogueira que só não é perfeita porque é estilo doente da cabeça, já que não […]

    6
  • O tempo anda louco demais, isso todo mundo sabe e já viveu na carne. Mas lá na Ásia tem uma coisa chamada monções que costumam dar às caras sim ou sim, e que podem levar água abaixo suas férias ou seu humor. Isso não significa que não dá para viajar quando “ela” aparece, mas tem […]

    4
  • Quando era pequena lá em Curitiba, assisti na Sessão da Tarde “Tarde demais para esquecer”. Filme de 1957 com Cary Grant e Deborah Kerr. Naquela época eram estas sessões que norteavam meus desejos de viajar. Com os filmes de Elvis decidi que ia a Acapulco e Las Vegas; com Audrey Hepburn que iria conhecer aquela […]

    1
  • Continuamos vendo hotéis na zona mega turística de Barcelona, nos arrededores da Plaza Catalunya chegando até a Avenida Diagonal de um lado, e na Barceloneta de outro. No primeiro post, o foco foram apartamentos ótimos para famílias ou para viagens em grupo. Neste segundo post, o foco são … Hotel DO Plaça Reial G.L. Hotel […]

    0
  • Desde que lancei o Guia do Museu do Prado, pensei que seria legal oferecê-lo como um audioguia. Até que um belo dia encontrei uma pessoa que topou enfrentar –se a este idéia comigo. Há 8 meses eu e o Vicente (Edautech) estamos desenvolvendo o primeiro aplicativo do Turomaquia, que é justamente do Museu do Prado. […]

    52
  • No Facebook recebo pedidos para mostrar como faço a mala. Isso acontece desde que postei uns videos por lá para provar que realizei uma viagem internacional só com bagagem de mão (setembro/2012).

    3
  • O que fazer em Curitiba
  • Guia Museu do Prado
  • Saiba + sobre o Caderno de Viagens

Turomaquia recomenda – Passeios na Toscana

Postado em 30.julho.2014

Passeios na Toscana
Contexto: um belo sábado de sol entre Emilia-Romagna e Florença. Antes das 9:00 horas chegava à capital do Renascimento, debaixo do braço minha primeira missão: testar meu Guia da Galeria Uffizi. Ainda sofrendo da Síndrome de Stendhal, com a respiração entrecortada, zarpei para mais um destes encontros malucos, com gente que parece que você conhece há tanto tempo, mas que nunca viu na vida.

Desta vez ia “converter em real” a Deyse, guia e blogueira. O encontro aconteceu num lugar com um aroma irresistível de trufa, a Procacci. Estivemos pelo menos uma hora entre telas e aranhas, falando do que nos unia além de um blog, como o fato de termos sido advogadas num passado que para mim parece distante, quase uma outra vida paralela.

Outra coincidência de história, a Deyse também veio para Europa estudar, e acabou conhecendo seu ser amado. Só que no caso dela, um italiano. A conversa era quase fiada, porque o passeio ia começar quando abandonássemos nossos pãezinhos trufados. Mas desde o primeiro momento observei sua linguagem, forma de se colocar, porque se tem algo que levo muito a sério por aqui é recomendação de serviço!
Passeios na Toscana Passeios na Toscana
Passado o momento “papo de bar” partimos para as ruas de Florença. Eu e minha guia de luxo, com seus comentários artísticos precisos, e sabe o melhor de toda a história? O senso de humor e o modo como ela transmite muita informação em forma de bate-papo. Mas não se engane, é ela com toda sua experiência quem leva as rédeas. Sabe onde parar, a melhor forma de atrair a atenção, e como é guia oficial tem entrada privilegiada nos atrativos e monumentos.

Na Europa (que é onde eu sei como funciona) ser guia demanda muito estudo, passar por provas e obter um certificado. Claro que isso não está atrelado a ser um bom guia, porque além do conhecimento, quem quer seguir esta profissão deve ter habilidades didáticas, ser quase um showman! E estas habilidades, a Deyse tem de sobra.

Sai de lá decidida a recomendar os tours. Sei que levei muito tempo para escrever este post, mas na semana passada o site “Passeios na Toscana” estreiou um novo lay-out, muito mais legal para navegar, e vi que era o momento de compartilhar com vocês esta dica. Clique aqui, e veja todos os passeios que você pode contratar com ela, inclui tour piquenique no Chianti em meio aos vinhedos! Mas também passa pelo “City Tour básico de 3 horas por Florença”.

Passeios na Toscana

Passeios na Toscana

Quer ficar sabendo quando saem os próximos posts?
Então curta nossa página no Facebook, clicando aqui. Ou quem sabe você prefira, o Google+
Siga o nosso Twitter @turomaquia.
Veja nossas fotos no Instagram – Turomaquia.

imagens: Passeios na Toscana e turomaquia_2013 (foto com a Deyse e as placas de sinalização).

Lugares legais para comer e se divertir no Chiado e no Bairro Alto | Lisboa

Postado em 25.julho.2014

Imagina que você terminou o dia em Lisboa no Chiado, visitando o Convento do Carmo. Uma ótima opção para jantar uma carne deliciosa é a “La Brasserie de L´Entrecote”.
La Brasserie de L´Entrecote - Onde comer em Lisboa
A fórmula é a seguinte salada + carne + batatas-fritas (servem quentinhas várias vezes) . As entradas são cobradas por separado. São deliciosas, mas resulta que pode ser muita comida, e você pode acabar não aproveitando tanto o prato principal. Continue lendo »

Bate e volta desde Lisboa – Península de Tróia + Setúbal

Postado em 24.julho.2014

Setubal e Península de Tróia - Portugal
Pouca gente relaciona um bate-e-volta à Lisboa com uma praia paradisíaca. Mas o certo que a menos de 50 quilômetros da capital você dá de cara com uma cidade que é uma graça, do seu porto pega um barco que num pif-paf te deixa na Península de Tróia. Pouco conhecida pelos brasileiros, mas que por si só já vale a viagem. Continue lendo »

A boa filha a casa torna – A Vitória de Samotrácia e o Louvre

Postado em 22.julho.2014

Vitoria de Samotracia no Museu do Louvre Museu do Louvre
Uma das obras de arte que mais me impactaram em toda minha vida acaba de voltar de um processo de restauração de 10 meses, que custou 4 milhões de euros. Ela voltou semana passada à Escadaria Daru, um lugar perfeito para uma mulher impressionante. E eu estou aqui escrevendo e mega excitada só pensando em meu reencontro com esta Vitória de mais de 2.000 anos de idade. Continue lendo »

Passeio legal em Barcelona para maiores e menores – Parque de atrações do Tibidabo

Postado em 14.julho.2014

Quer viajar no tempo em Barcelona? Diminuir o ritmo da viagem, e tudo isso sem se distanciar da metrópole? O caminho começa na linha 7 do trem urbano que vai te deixar na Avinguda del Tibidabo.

Onde você vai começar esta viagem para trás, primeiro vencendo as subidas do bairro de Sarrià com o Tramvia Blau de 1901. Sentado nos bancos de madeira começa tua desaceleração, e esta primeira jornada vai te deixar aos pés do funicular do Tibidabo.
O que fazer em Barcelona - Tibidabo O que fazer em Barcelona - Tibidabo
Ah, mais uma viagem a 1901, e vamos atravessando bosques e passando por casas até que aquele “bicho pintado” azul e amarelo nos conduz à entrada do parque vintage, enquanto a cidade abaixo sigue vigilando e agora sendo vigilada por nós, a distância deixa Barcelona ainda mais bela. Continue lendo »

Lugar ótimo para ver o por do sol em Lisboa – Praça do Comércio

Postado em 10.julho.2014

Depois da extensa reforma, diria que a Praça do Comércio se converteu em lugar de peregrinação. Por ela passa o eléctrico 15 que leva ao cênico e histórico bairro de Belém, os ônibus turísticos e marca o início da rua de pedestres mais famosa da cidade, a Augusta.
Lisboa - Praça do Comércio
Um lugar onde se pode respirar ante espaços vazios tão necessários depois de um dia entre prédios manuelinos, vistas repletas de história e cenários acompanhados reiteradamente pelos versos de Pessoa. Que aliás se faz presente, como não, também na praça. Entre os cafés que frequentava na cidade, está o “Martinho da Arcada”, fundado em 1782, e portanto o mais antigo de Lisboa. Está no número 3. Continue lendo »