Guias de Viagem e Arte

 
 
mar 22 2010

Palacio Nacional de Sintra – uma bela mistura de estilos

Por fim ia entrar naquele lugar que perseguia todas as fotos panorâmicas da cidade. Por onde se olhava, lá estavam as gigantescas chaminés da cozinha do Palácio Nacional de Sintra.

Era um domingo, e ao contrário do Palácio da Pena, aqui não havia filas. Na bilheteria uma surpresa, aos domingos acesso gratuito. A entrada se dá desde o pátio, pela grande escadaria. Deste pátio, as vistas da cidade são estupendas. A Vila de Sintra emoldurada pelos arcos do edifício.
Palácio Nacional de Sintra
Palácio Nacional de Sintra
O edifício do palácio se menciona já no século X pelo geógrafo árabe Al- Bacr. Era a residência dos prefeitos mouros de Lisboa durante a ocupação árabe. Com a conquista de Lisboa em 1147 passa a ser propriedade dos reis até a proclamação da República em 1910.

A estrutura é medieval, mas cada rei foi marcando seu espaço durante seu reinado. As obras mais importantes foram realizadas durante o reinado de D. João I (século XIV) e de D. Manuel (séc. XVI). Mas se nota a cada passo a influência árabe nas fontes, nos azulejos, nos arcos pontiagudos, e o respeito que os monarcas portugueses tinham pelo estilo mudéjar (mourisco). Neste palácio, os reis e a família real passavam o verão, vinham de caça ou fugiam da peste!
Palácio Nacional de Sintra
Além da ornamentação de cada cômodo, decoram o espaço grande parte das coleções de mobiliário da Casa Real que vão do século XVI ao XIX. A cada espaço um cartaz em português e em inglês indica o seu uso, e outro cartaz destaca os objetos mais importantes dispostos em cada espaço.

Palácio Nacional de Sintra
Sala das Pegas (pássaro com manchas brancas e pretas) em razão do teto.

Palácio Nacional de Sintra
Terrinas chinesas (louça onde se serve a sopa) em forma animal da Dinastia Qing (1760-1780)
Palácio Nacional de Sintra
Quarto de D. Afonso VI, aprisionado no palácio por 9 anos até sua morte no palácio, por seu irmão D. Pedro II.
Palácio Nacional de Sintra
Entrada da cozinha, separada dos demais cômodos, como medida de segurança
Palácio Nacional de Sintra
Atualmente serve de apoio aos banquetes oficiais realizados no palácio
Palácio Nacional de Sintra
A cozinha ainda recebe a água proveniente das nascentes da serra
Palácio Nacional de Sintra
A Capela
Dica Turomaquia: Não deixe de olhar prá cima, os tetos pintados são uma loucura. Temas bastante diferentes e alguns com histórias hilárias, como traições reais!
Palácio Nacional de Sintra
Palácio Nacional de Sintra

Leia também:
Para chegar em Sintra
A Cascais dos amantes sugados pelo mar – Boca do Inferno
Casas e Palacetes de Cascais
Cascais: Manual Prático
Restaurante em Sintra – Tulhas (quase uma experiência religiosa!)

Ainda hoje, a sala favorita Turomaquia do Palácio Nacional de Sintra e dicas práticas para a visita.

fotos: turomaquia_2010

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • É assim mesmo, sem truques 😉 Eu usei o Innsbruck Card de 48 horas para visitar os atrativos e subir na montanha ontem. Valeu a pena, a economia é real, fora a comodidade! 
E entre uma visita e outra, esta chuva de ruas lindas e montanhas imperiais. Curtiu?

#myinnsbruck #austrialovers #mountainscenery
  • Marca com quem você gostaria de compartilhar este banquinho a 2.256 metros de altura no top de Innsbruck 😉

Eu queria marcar o Tom, mas ele não tem Instagram 😂 
#myinnsbruck #innsbrucklover #mountains🗻 #austria_memories #nordketteinnsbruck
  • Na Arena Romana de Verona sendo feliz. Eu e a infanta de Velásquez 😉 Comprei o Verona Card de 24 horas e valeu a pena. Custou 20€, mas foi uma loucura passar apenas uma noite na cidade. Andei 19 km e tive que ir muito rápido, deveria ter ficado no mínimo 2 noites. O Verona Card de 48 horas custa 25€. #veronalovers #arenadiverona #italialovers #happymoments❤ #24horasverona
  • Olha o que eu encontrei pelas ruas de Pádua 🖤 Tudo a ver com a data de hoje 😉 que devia ser um dia para comemorar qualquer amor, mas principalmente o amor próprio! E também a empatia! A ser capaz de se colocar no lugar do outro, a “calzar el zapato del otro” ❤️ #padualovers #streetart #loveyourself #padova #beautifulstreet
  • Sonho realizado e em dobro 😂 hoje realizei duas visitas à Capela Scrovegni, pintada por Giotto no comecinho do século 14. Uma das obras que marcaram a revolução na arte ocidental, ou seja, o Renascimento.

Giotto foi um pré-renascentista, um dos gênios que criaram as condições para que esta nova forma de pensar e fazer arte fosse possível.

No verão oferecem a visita noturna. Eu gostei mais por causa da iluminação e também porque éramos apenas 2 pessoas na última visita, a das 21:20 horas. A entrada noturna custa 8€, a diurna custa 13€ e inclui outros dois museus. 
#giotto #padova #renascimento #capelladegliscrovegni #historiadaarte
  • A gigante Basilica de Santo Antônio. É bem bonita por dentro, praticamente coberta por pinturas, afrescos e relevos. Não pode fotografar nada! A entrada é gratuita. 
Eu te recomendo que ao menos pague para entrar no Oratório de São Jorge, totalmente coberto de afrescos do século 14 de Altichiero. Custa 3€ e se for visitar o Museu Antoniano, o bilhete único sai por 7€ e inclui um audio-guia para todo o complexo, incluindo a basílica.

O bilhete único ainda inclui a sala principal da Confraria Antoniana, conhecida como Scoletta del Santo, que simplesmente abriga a primeira obra encomendada diretamente a um jovem pintor veneziano, chamado Tiziano 😱 na época ele tinha 20 aninhos.

#padua #padovalovers #altichiero #prerenascimento #basilicasantantoniopadova

Follow Me!