Guias de Viagem e Arte

 
 
set 26 2011

Roteiro Trilha de Salkantay – Destino: Machu Picchu (Parte 1)

Nossa correspondente Malu Poli voltou na semana passada de uma aventura pelo Peru. Avaliação final da viagem: fantástica, mas o momento emocionante: a trilha de Salkantay. Uma trilha pouco falada e que em 4 dias te leva ao ladinho da cidade perdida dos incas. para saber tudo, tim-tim-por-tim-tim esta semana é só seguir a MALU!

logo-malu14/09/11
Acordei as 04 da manhã, pois o pessoal da agência passaria me pegar as 04:30, no entanto, eles se adiantaram e passaram as 04:15 já que acabei sendo a primeira. Na van conheci o meu grupo que era formado por 5 brasileiros (eu, Elza, Filipi, Renata e Rodrigo), 2 espanhóis (Luís e Mar) e 2 suíços (Benjamin e Silvio). Fomos levados de van numa viagem de 3 horas até um povoado chamado Mollepata onde tomamos café e começamos a caminhar as 08:15.
DSC02828

Caminhamos durante 4 horas até o local do almoço, que foi muito bom. Tinha creme de champignon, lomo saltado (carne de boi picada com batata frita, arroz e tomate) e suco de laranja.
DSC04478

Após o descanso de 1 hora, 1 hora e meia seguimos para mais 4 horas de caminhada até o nosso acampamento em Soraypampa aos pés do Monte Humantay. A primeira noite é a mais fria de todas, por isso as barracas são montadas dentro de um abrigo como se vê na foto.
DSC02850
DSC02864
100_2430 100_2345

De noite antes da janta tivemos um “happy hour” com pipoca, bolachinhas, café e chás. Nossa janta teve de entrada creme de champignon e prato principal uma coxa de frango cozida com cenoura e batata + arroz branco. Ah, preciso comentar que como estávamos num lugar sem energia elétrica esse lugar tinha o céu mais lindo e estrelado que já vi em toda a minha vida, as montanhas Humantay e Salkantay estavam iluminadas pela lua o que deixou a noite ainda mais agradável.
DSC04516
100_2348

Amanhã, o segundo dia da trilha em direção a Machu Picchu.

Para ler tudo que já publicamos sobre o Peru, clique aqui.

texto e argumento: Malu Poli
fotos: Malu Poli, Renata Rosa e Elza Cunha

5 Comentários

  1. ivanor

    Estou gostando muito de acompanhar as viagens que estão fazendo pelo mundo todo. Muito bom
    ivanor

    responder
    • Patricia de Camargo

      Que bom Ivanor, e ainda tem muita coisa pela frente 😉
      um abraço

      responder
  2. Mônica Poggiali Árabe

    Olá!

    Estou planejando fazer a trilha Salcantay em julho desse ano e estou à porcura de agências de turismo confiáveis para me guiar/acompanhar.
    Gostaria de saber por qual agência você fez.

    Obrigada!
    Abraços,
    Mônica

    responder
  3. Malu

    Olá Mônica!
    Eu fiz com a empresa Viagens e Expedições El Dorado (http://www.machupicchu.com.br) que é uma agência aqui do Brasil mesmo. O atendimento é muito bom e os guias também, por isso eu recomendo! O nome do dono é Marcelo, o pagamento é feito via depósito e ele te envia o voucher por e-mail.
    Abraços, Malu

    responder
  4. walter- guia da trilha salkantay

    Ao contrário da Trilha Inca, a Trilha Salkantay também tem uma vantagem fundamental que é a possibilidade de percorrê-la durante o ano todo. Sim, é verdade que no período de chuva (Janeiro até Abril) tudo fica mais difícil. Mas, Mas com preparo físico, mental e sobre todo com vontade conseguira conquistar sem problemas.

    responder

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • É assim mesmo, sem truques 😉 Eu usei o Innsbruck Card de 48 horas para visitar os atrativos e subir na montanha ontem. Valeu a pena, a economia é real, fora a comodidade! 
E entre uma visita e outra, esta chuva de ruas lindas e montanhas imperiais. Curtiu?

#myinnsbruck #austrialovers #mountainscenery
  • Marca com quem você gostaria de compartilhar este banquinho a 2.256 metros de altura no top de Innsbruck 😉

Eu queria marcar o Tom, mas ele não tem Instagram 😂 
#myinnsbruck #innsbrucklover #mountains🗻 #austria_memories #nordketteinnsbruck
  • Na Arena Romana de Verona sendo feliz. Eu e a infanta de Velásquez 😉 Comprei o Verona Card de 24 horas e valeu a pena. Custou 20€, mas foi uma loucura passar apenas uma noite na cidade. Andei 19 km e tive que ir muito rápido, deveria ter ficado no mínimo 2 noites. O Verona Card de 48 horas custa 25€. #veronalovers #arenadiverona #italialovers #happymoments❤ #24horasverona
  • Olha o que eu encontrei pelas ruas de Pádua 🖤 Tudo a ver com a data de hoje 😉 que devia ser um dia para comemorar qualquer amor, mas principalmente o amor próprio! E também a empatia! A ser capaz de se colocar no lugar do outro, a “calzar el zapato del otro” ❤️ #padualovers #streetart #loveyourself #padova #beautifulstreet
  • Sonho realizado e em dobro 😂 hoje realizei duas visitas à Capela Scrovegni, pintada por Giotto no comecinho do século 14. Uma das obras que marcaram a revolução na arte ocidental, ou seja, o Renascimento.

Giotto foi um pré-renascentista, um dos gênios que criaram as condições para que esta nova forma de pensar e fazer arte fosse possível.

No verão oferecem a visita noturna. Eu gostei mais por causa da iluminação e também porque éramos apenas 2 pessoas na última visita, a das 21:20 horas. A entrada noturna custa 8€, a diurna custa 13€ e inclui outros dois museus. 
#giotto #padova #renascimento #capelladegliscrovegni #historiadaarte
  • A gigante Basilica de Santo Antônio. É bem bonita por dentro, praticamente coberta por pinturas, afrescos e relevos. Não pode fotografar nada! A entrada é gratuita. 
Eu te recomendo que ao menos pague para entrar no Oratório de São Jorge, totalmente coberto de afrescos do século 14 de Altichiero. Custa 3€ e se for visitar o Museu Antoniano, o bilhete único sai por 7€ e inclui um audio-guia para todo o complexo, incluindo a basílica.

O bilhete único ainda inclui a sala principal da Confraria Antoniana, conhecida como Scoletta del Santo, que simplesmente abriga a primeira obra encomendada diretamente a um jovem pintor veneziano, chamado Tiziano 😱 na época ele tinha 20 aninhos.

#padua #padovalovers #altichiero #prerenascimento #basilicasantantoniopadova

Follow Me!