Guias de Viagem e Arte

 
 
out 31 2016

René Magritte: o ilusionista da arte

Rene Magritte

René Magritte, infância e musa

René Magritte nasceu em Lessines – Bélgica (1898), mas passou a maior parte de sua vida em Bruxelas. Um homem bastante caseiro, que não gostava de empreender viagens que não fossem através da imaginação.

Sempre se esmiuça a vida dos personagens famosos buscando fatos que possam explicar esta ou outra ação. O menino René com apenas 14 anos viu sua mãe morta, depois de seu suicídio. Mas este menino anos depois encontrou uma musa – Georgette, com quem casou e foi feliz para sempre. Ela sempre aparece nas suas obras, e será que o suicídio da sua mãe também estava presente? Margritte afirmava rontundamente que não.
Rene Magritte

René Magritte e o surrealismo

Ele pintou dentro que se costuma chamar surrealismo. Este movimento que envolve o inconsciente e pinta coisas reais em contextos díspares.

Mas sua obra tem muitas características que são só suas, a mais destacada é a importância dos objetos e entre eles, seus favoritos: o chapéu-coco, o pássaro, a maçã, cachimbo, janelas, portas, e o guarda-chuva.

“Coloquei todo meu empenho para fazer que os objetos mais familiares gritassem”.

Rene Magritte
Rene Magritte

René Magritte, a unidade entre linguagem e objeto

Magritte com seu ilusionismo, pretende que comecemos a questionar certas coisas, que já dávamos por certas sem sequer pensar muito sobre elas.

Ele discute a verdade das relações mais básicas, por exemplo a verdade sobre a unidade entre a linguagem e o objeto. Isto se vê bem nesta pintura do cachimbo, onde ele escreve: isto não é um cachimbo. Claro, é a imagem de um cachimbo, mas não o objeto.
Rene Magritte
Também jogou com a incongruência das características dos objetos. Como pode uma rocha, uma montanha, planar e parecer tão leve, pese que sabemos que é muito pesada! Como podem os pés se transformarem em sapatos?
Rene Magritte
Além de pintar, fazia fotografias e cartazes publicitários. Sua obra se viu influenciada pelo italiano De Chirico (vou postar algo sobre ele em breve).

René Magritte e Bruxelas

Se for para Bélgica, não deixe de visitar sua casa-museu, onde encontrará todos os objetos recorrentes em sua obra. É um passeio em 3D pela obra de Magritte. Na mesma Bruxelas, outra visita obrigatória é o Museu Magritte, que em 3 andares “destripa” a obra do artista. Um museu bastante didático.

René Magritte em vídeo | TOP100Arte

Meus livros de arte

Madri - Guia do PradoGuia Louvre
Guia de Museu | Guia Galeria degli Uffizi

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Esperando o embarque para Schlogen. Vamos de barco até lá e depois mais 52 quilômetros de bici até Linz. Vou tentar mostrar tudo nos Stories 🚴🏽‍♀️🚴🏽‍♀️🚴🏽‍♀️ #passau #biketrip #schlogen @romantische_donauschifffahrt #boattrip
  • Que lugar!!! Adorei a ida aos castelos do Rei Ludwig II. É um bate e volta meio cansativo porque são 2 horas de trem e outras 2 para voltar, mas o dia foi inesquecível. 
Estávamos em 3 e o bilhete de trem ida e volta para o grupo custou 37€. A entrada para os dois castelos 25€ por pessoa. Em Füssen esperando o trem, tomamos meio litro de radler a 3,50€. Engraçado que curto mais o tour pelo castelo menos famoso, gostei mesmo do Neuschwanstein por fora, mas isso é gosto e já sabe né, gosto não se discute, como máximo se lamenta 🤣🤣🤣 #neuschwastein #fussen #castle #alemanha🇩🇪 #castelos
  • É assim mesmo, sem truques 😉 Eu usei o Innsbruck Card de 48 horas para visitar os atrativos e subir na montanha ontem. Valeu a pena, a economia é real, fora a comodidade! 
E entre uma visita e outra, esta chuva de ruas lindas e montanhas imperiais. Curtiu?

#myinnsbruck #austrialovers #mountainscenery
  • Marca com quem você gostaria de compartilhar este banquinho a 2.256 metros de altura no top de Innsbruck 😉

Eu queria marcar o Tom, mas ele não tem Instagram 😂 
#myinnsbruck #innsbrucklover #mountains🗻 #austria_memories #nordketteinnsbruck
  • Na Arena Romana de Verona sendo feliz. Eu e a infanta de Velásquez 😉 Comprei o Verona Card de 24 horas e valeu a pena. Custou 20€, mas foi uma loucura passar apenas uma noite na cidade. Andei 19 km e tive que ir muito rápido, deveria ter ficado no mínimo 2 noites. O Verona Card de 48 horas custa 25€. #veronalovers #arenadiverona #italialovers #happymoments❤ #24horasverona
  • Olha o que eu encontrei pelas ruas de Pádua 🖤 Tudo a ver com a data de hoje 😉 que devia ser um dia para comemorar qualquer amor, mas principalmente o amor próprio! E também a empatia! A ser capaz de se colocar no lugar do outro, a “calzar el zapato del otro” ❤️ #padualovers #streetart #loveyourself #padova #beautifulstreet

Follow Me!