Guias de Viagem e Arte

 
 
jun 04 2013

O que você acha de fazer um safari fotográfico em New York?




Tours, visitas guiadas ou excursões são legais quando abrem teus olhos para partes ou detalhes da cidade que você dificilmente descobriria sozinho. Ou quando oferecem experiências de aprendizagem lúdicas. Com isto na cabeça, selecionei alguns tours para minha temporada novaiorquina.

O primeiro se tratava de uma experiência de aprender algo num entorno alucinante, o Metropolitan Museum. Aprender o quê? Fotografia. Claro que ninguém vai sair sabendo tudo de fotografia em 2 horas. E será que valeu a pena?

Cheguei ao ponto de encontro – um carrinho de cachorro quente na frente do MET. Estava descrente, mas de coração aberto 😉 10 minutos antes da hora marcada nossa instrutora, a Zim, já nos esperava. Naquele dia, o grupo estava formado por um turco, uma americana e uma brasileira.
Safari Fotografico New York

Entramos no MET e fomos diretamente à galeria de esculturas européias. A Zim nos perguntou se queríamos aprender algo em concreto naquele dia, e passou em ato contínuo a mostrar técnicas de composição.

Devíamos aplicar os conceitos na primeira tarefa do dia, ou seja, da teoria à prática em um minuto. Ela ia até cada um de nós para ver os resultados, analisava e mostrava com a máquina em mãos como podíamos melhorar nossa foto. E também podíamos ver as análises uns dos outros.
New York City Photo Safari New York City Photo Safari

Esta foi a dinâmica durante as 2 horas. Em algumas análises, ela nos mostrava fotos que ela havia tirado em outros entornos. Em outras, te ensinava como usar aquele botãozinho da câmara que você nem imaginava para que servia.

Agora o que mais me impressionou era como ela te fazia ver de outra maneira, e a cada minuto tentava tirar nossa ansiedade de clicar, para privilegiar o olhar, num conceito de slow photo.

E a cada paradinha para ver nossas fotos, lá vinha a Zim perguntando: “O que você quis fotografar aqui?”, e quando ela fazia uma careta com a boca, já sabia que ia pegar minha câmara e me mostrar um ângulo que realmente mostrava o que eu queria.

Nem tenho vergonha de dizer que aprendi a usar a “sobre” e a “super” exposição de luz com ela. Porque uma coisa é ler, e outra bem diferente aprender fazendo e vendo alguém que controla o tema à perfeição.
New York City Photo Safari
New York City Photo Safari
New York City Photo Safari

Mudamos de salas durante o tour, trabalhamos atividades e conceitos diferentes. Rimos e ficamos muito sérios. E ao terminar as 2 horas estava de boca aberta. Tinha assimilado e incorporado tantos conhecimentos, que a mágica do aprender aconteceu, estava maravilhada.
New York City Photo Safari

Após as despedidas, ainda fiquei sentada em um canto do museu por um bom tempo. Estava cansada, mas sabe aquele cansaço bom? Aquele de quando você sente que aproveitou teu tempo e ainda se divertou à beça?!

Olhava a câmara como um troféu, agarrava a pobre com força, porque intuia que por fim tinha certo controle sobre ela 😉 E tudo isto aconteceu em New York, dá prá ser mais chique!?

Agora vamos falar de questões práticas:
A empresa New York City Photo Safari oferece vários tipos de tours. Eu escolhi este porque amo museu, e me ajudaria na minha vida profissional. Algo como unir o útil ao agradável. O foco deste tour é a luz.
New York City Safari Tours

Mas tem tours para famílias, outros focados em paisagens ou em arquitetura. Na maioria a duração é de 2 a 2 horas e meia.

Precisa ter inglês fluente?
Não, um nível intermediário. Claro que quanto mais, melhor. A minha instrutora era paciente, e não tive nenhum problema. Não foi algo que me gerou stress.

Que tipo de máquina fotográfica devo ter?
A princípio serve qualquer tipo de máquina. Mas para realmente tirar todo o proveito, é legal ter uma máquina reflex ou uma destas que não são reflex, mas que permitem o intercâmbio de lentes.

Falando em português claro, eu levei minha Canon 600D, que no Brasil acho que se conhece como Canon Rebel. Tá valendo Nikon D3000, Nikon 40D. Mas se o que você quer é aprender a compor a imagem, venha com a tua automática e seja feliz!

Uma coisa legal até para ver se é a tua praia, é alugar uma câmara com eles. Eles alugam uma Canon 7D (que é meu sonho de consumo!) por U$ 35,00. Inclui o cartão de memória que fica prá você no final do tour. É interessante para ter brincar com uma super câmara, e ver se realmente valeria o investimento prá você.

Para saber mais, visite: http://newyorkcityphotosafari.com/

Veja todos nossos posts de NEW YORK

Busque e reserve seu hotel em New York, clicando aqui. Assim você conseguirá ótimos preços, poderá cancelar sem taxas sua reserva (excepto em alguns casos quando se tratam de promoções!) e ainda ajudará a manter atualizado este blog. Obrigada

Nem pense em viajar sem seguro, a gente facilita as coisas te oferecendo um desconto de 15% \o/ Clique aqui, e para ganhar o desconto neste ano de 2017, coloque o código: 2017AFL. Para ver os descontos em outros anos, clique aqui

Para comprar as entradas dos principais atrativos da cidade, clique aqui, e evite filas de até 2 horas de pé \o/

Este tour foi uma cortesia da empresa New York City Photo Safari. Mas minhas opiniões aqui são pessoais, e este não é um publieditorial. Já que a cortesia não estava baseada na troca por um post ou qualquer outro tipo de publicação. Eu pré-selecionei o tour através do site da NYCgo, ou seja, foi uma escolha da blogueira, que entende que tal experiência entra dentro de sua linha editorial.

9 Comentários

  1. Lillian Brandão

    Ei Patrícia,
    Ótima dica! Adoro participar de cursos de duração enquanto viajo. Fiz um Barcelona e gostei muito da experiência. Quando voltar a NY com certeza farei um desses.
    Bjos,
    Lillia.

    responder
  2. Luã

    Muito boa a dica mesmo…

    Estou em planos de ir para Big Apple agora em outubro, essa dica caiu muito bem.

    Grato a você e todos que fazem esse tipo de postagem.

    Abraços.

    responder
  3. Oscar | MauOscar.com

    Que legal… Eu deveria ter ido atrás de um curso dessas quando morava pertinho de NY.. Muito legal a dica

    Bjs

    responder
  4. Luciana Betenson

    Super original, muito legal! Nunca tinha ouvido falar e certamente vou tentar na próxima viagem 🙂

    responder
  5. Boia Paulista

    Oi, Pat. Tudo bem? 🙂

    Seu post foi selecionado para a #Viajosfera, do Viaje na Viagem.
    Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais,
    Natalie – Boia

    responder
  6. Fernanda

    Não sou muito boa em fotografia e aprender sobre isso em NY seria ótimo!!! rs

    responder
  7. Thyago Portela

    Que bacana!!!

    Não tinha ideia da existência de curso de fotografia nesse estilo.

    Quero fazer na próxima ida a NY.

    responder
    • Patricia de Camargo

      Thyago, vale muito a pena! Hoje mesmo estava aplicando umas técnicas que aprendi no curso 🙂

      responder
  8. Cristhine

    Que bom que conheci seu blog! Adorei saber sobre esse safari! Já está na lista!

    responder

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Eu viajei com a Ledinara do @curitidoce isso enriqueceu de uma maneira louca minhas experiências gastronômicas.

No mesmo dia da foto anterior, também estivemos na @maisonladuree 
Ela teve a ideia de comprar este macaron en forma de coração para provar e tirar fotos no Jardim des Tulleries, que fica do ladinho de uma das lojas.

Custou 2,10€ e nos divertimos barbaridades. Aliás se eu fosse você, seguia a @curitidoce porque ela fez vídeos de todos os doces que provamos nos 4 dias que estivemos juntas 💕

#laduree #parislovers #parisfood #paris #macaron
  • Uma das grandes experiências desta viagem: comer uma das “frutas” do grande @cedricgrolet 
O limão negro que eu comi é feito com um pequeno limão desta cor que vem do Irã após ficar um mês no deserto secando. 
O senhor que nos recebe na porta e que eu chamaria de chefe de sala, é um dos responsáveis em converter esta experiência em inesquecível. 
Não é um doce barato, mas vale cada centavo 😉

#cedricgrolet #parisfood #parislovers #doce #paris
  • Tão legal estar de bobeira e de repente, dar com ela 🤗 qual é teu lugar favorito para fotografar a torre?

#toureiffel #paris #parislovers
  • Esta belezura da foto já ganhou em 2014 o título de melhor madeleine de Paris. A madeleine é um bolinho com um toque de limão. 
Eu vim na Blé Sucré e comprei o pacotinho com 4 mais um expresso e paguei 5,50€. Comi na pracinha na frente da loja porque todas as mesas estavam ocupadas e posso te confirmar que é MARAVILHOSA 😍

Te dedico @curitidoce saudades de ti!

#blesucre #madeleine #parisfood #parislovers #foodporn
  • Hoje fiquei o dia inteiro no Louvre. A entrada sai por 15€, se quiser um audio-guia deve pagar 5€ quando compra a entrada. 
Peguei para testar como estava e fiquei brava. Quando estava super longe de onde tinha retirado, acabou a bateria. Fiquei com o dito cujo no pescoço por muito tempo sem serventia nenhuma. Ou seja, me entregaram um equipamento que não estava totalmente carregado.

Foi o museu onde o pessoal era menos amável e que menos ajudava. Uma pena ☹️ Claro que tem que ir, mas vá preparado. Eu posso te ajudar na tarefa 😉 sabe que eu escrevi um Guia do Louvre?
#louvremuseum #arte #paris #parislovers
  • Natal nas Galerias Lafayette ⭐️ #parislovers #paris #galerieslafayette #natal

Follow Me!