Guias de Viagem e Arte

 
 
ago 13 2008

Valencia: uma cidade cheia de história …

Valentia Edetanorum foi fundada em 138 a.C. pelos romanos, no século VI era uma monarquia visigoda (os godos eram povos germânicos, e os visigodos eram os godos que invadiram as terras mais ocidentais). Em 714, estava sob domínio muçulmano, e somente em 1238 ocorreu a Reconquista definitiva da cidade, que se incorporou à Coroa Aragonesa, através da formação do Reino de Valencia. Durante a Guerra Civil Espanhola (1936-1939) foi por algum tempo capital do governo republicano, e com o restabelecimento da monarquia, obteve o estatuto de autonomia.

Ufa! Valencia passou pelos romanos, visigodos, muçulmanos, aragoneses, republicanos, ou seja, tem muita história nesta terra. Isso se percebe ao colocar os pés na cidade, que apesar de tudo não quis dormir em berço esplêndido, e soube no final do século XX, iniciar um processo brutal de renovação, com a construção da Cidade das Artes e das Ciências.

E nesta impressionante cidade de 800.000 habitantes entra Turomaquia nestes próximos dias. Vamos passar, como não, por onde se iniciou o processo de renovação, a Cidade das Artes e das Ciências, mas sem esquecer estes mais de 2000 anos de história, iremos das mãos de um valenciano pelo centro histórico, e este mesmo valenciano nos vai ensinar a cozinhar uma autêntica paella. Porque a paella nasce em Valencia! 

Mas como começa esta viagem? Tom e eu nos despedimos de Zaragoza, e pegamos um ônibus que nos deixou em Valencia em 3 horas e 45 minutos, para saber os horários, clique aqui e se quer comprar os bilhetes aqui. O bilhete nos custou 18,16€ . Só não espere que os ônibus sejam como os nossos, são meio apertados e os postos de parada também não são lá grande coisa. Mas se você não compra com antecedência os bilhetes de trem, os bilhetes de ônibus saem muito mais em conta! E você vai vendo como muda a paisagem. Eu na verdade não me incomodo muito, porque é so entrar em um ônibus ou avião, que durmo. Às vezes, até quero ficar acordada, mas não rola!

Imagem Reino Visigodo by http://commons.wikimedia.org/wiki/User:Chabacano
Logotipo y video by http://www.turisvalencia.es

Postado por Patricia de Camargo | Marcadores:

2 Comentários

  1. Claudia Pimenta

    oi patricia! valencia é uma das (muitas) cidades must-see da espanha… quero mt conhecê-la! e espero que seja logo (risos)! bjs, querida!

    responder
  2. Patricia de Camargo

    Claudia, a parte histórica que eu vou falar nos próximos dias é impressionante. A verdade é que eu não esperava, e foi uma excelente surpresa!Beijos

    responder

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Trailer de mais um vídeo da “Odisseia Grega” no YouTube - Patricia de Camargo. Link na bio, te espero por lá 👁

#greecelovers #atenas #vlogatenas #acropoledeatenas #grecia
  • Vistas da Acrópole. O templo grego mais bem preservado do mundo, o de Hefesto 🏛

#greecelovers #templodehefesto #atenas #greciaantiga #mundoantigo
  • Muita gente me diz que sítio arqueológico é só pedra e mais pedra. Mas que nada, são aquilo que a gente foi, são pilhas da nossa memória coletiva, são nossa chance de entender como chegamos até aqui e de que forma queremos ser lembrados em 200 anos quando outros homens e mulheres caminharem pelas ruínas do nosso legado 🙌🏼 #greecelovers #acropolis #atenas #artegrega #estilojonico
  • Dica de Sevilha: café da manhã na tradicional “La Campana” fundada em 1885. O lugar é bonito, gostoso e oferece uma boa relação custo x benefício . Gastamos 13,10€ por 2 sucos de laranja natural, 2 cafés e 2 mistos. 
Também é um ótimo lugar para comer um doce tradicional ou comprar um presente gostoso 😉

Abre todos os dias das 8:00 às 22:00 horas.

#sevilha #lacampana #ondecomersevilha #espanhalovers
  • Esta é a Nova Iorque florida que me deparei numa viagem que realizei nas primeiras duas semanas de maio. Linda demais 💕💕💕 #newyorkflowers #beautifulstreet #centralparkmoments #estadosunidos #novaiorque
  • Qual é seu ponto favorito do Central Park em New York? Eu acho lindo de morrer,  o lugar onde fica uma das maiores fontes da cidade, a Bethesda. 
Também conhecida como "Anjo das Águas", foi o primeiro trabalho de arte pública encomendado a uma mulher. Neste caso, a artista Emma Stebbins, que desenhou a fonte em 1868, sendo inaugurada em 1873.

A gente vê um anjo de bronze de dois metros e meio de altura que carrega um lírio e com a outra mão abençoa a água. Tem um referência bíblica ao evangelho de João que fala de um anjo que abençoa a piscina de Bethesda, conferindo-lhe poderes de cura. 
Debaixo do anjo vemos 4 querubins que representam a pureza, a saúde, a temperança e a paz.

É legal chegar junto à fonte cruzando por debaixo das arcadas da Bethesda Terrace, criada em 1860, um desenho de Jacob Wrey Mould. Debaixo dos arcos costumam se apresentar músicos, já vi um concerto melhor que o outro.

A fonte se encontra mais ou menos no meio do parque na altura da rua 72.

#bethesdafountain #centralpark #newyorklovers #mulheresnaarte #emmastebbins

Follow Me!