Guias de Viagem e Arte

 
 
nov 09 2009

Roteiros Lençois Maranhenses – da caminhada aventureira a certa dose de luxo!

Da mesma forma, que são muitos os caminhos à Roma, muitas são as possibilidades no Maranhão. Depende do estilo, da grana e do tempo da viagem. Pensando em diferentes estilos de viajar, veja algumas sugestões de roteiros para desfrutar da cultura e da natureza maranhense.

Aventureiro
Você quer explorar o parque a fundo, conviver com a comunidade local, pode suportar alguns dias com poucas comodidades e tudo isso sem contribuir à destroçar a natureza, ou seja, sem utilizar quadriciclos ou toyotas dentro do parque?  Teu perfil é o do aventureiro!

O Parque dos Lençois Maranhenses é seu paraíso, mas comece a desfrutar da natureza já em Alcântara. Passe um dia em São Luís, faça o city-tour com guia particular. No dia seguinte zarpe para Alcântara, conheça a história da cidade e chegue na Pousada dos Guarás, a tempo de ver estas lindas aves comendo nos mangues. Na manhã seguinte desvende um pouco desta Alcântara desconhecida, e seus pequenos lençois. Pegue o último barco para voltar à São Luís. De madrugada vá de ônibus até Sangue (Cisne Branco) e depois de toyota até Santo Amaro. Contrate um guia antes da sua chegada, fale com o José da Pousada Água Doce, leve apenas o essencial em uma mochila pequena e o resto da bagagem despache à Barreirinhas. Na chegada, faça um lanche rápido e comece a caminhada de três dias que te levarão a cruzar os Lençois Maranhenses até Atins. Passe duas noites na Pousada do Buna, para conhecer o Poço das Pedras, o Restaurante do Seu Antônio e a Cachoeira do Bonzinho. Depois contrate um barquinho pequeno que te leve até Barreirinhas, mas de forma preguiçosa, aproveitando os Pequenos Lençois. Em Barreirinhas, passe uma ou duas noites para conhecer a Lagoa Azul e a Bonita. Pegue uma van direto ao aeroporto.

Familiar
Você até gosta de aventura, mas tem uma vida um pouco sedentária e estar três dias caminhando pode ser bem prejudicial à sua saúde. Ok, você nem é tão sedentário, mas viaja com crianças pequenas, e deve ter o mínimo de segurança nos passeios.

Teu perfil familiar restringe certos passeios, mas não o prazer de desfrutar dos Lençois Maranhenses. Com certeza as criaturas vão amar e quem sabe desenvolver um “vício” pelas viagens desempacotadas.

Lençois Maranhenses, Lagoa Azul
Pais com duas crianças pequenas na Lagoa Azul

Passe dois em São Luís, para fazer em um deles, o passeio à Alcântara. Mas se estamos falando de crianças menores de 4 anos, esqueça Alcântara. Na capital, coma no Senac. Excelente serviço, com ar-condicionado e ambiente que acalma aos mais pequenos. Escolha Barreirinhas como base para desvendar os Lençois. Não contrate agências para os passeios, e sim diretamente uma hilux para fazer exclusivamente os passeios com vocês. Poderá voltar quando queira, e ir até onde  a criançada aguente. A Malu contratou e não pagou assim tão caro. Para fazer o passeio pelo Rio Preguiças também contrate diretamente uma lancha, e estenda o passeio até Atins para desfrutar dos melhores camarões da sua vida! E se as crianças são um pouquinho maiores, durma uma noite em Atins, para conhecer as belezas desta parte do parque.


Foto de www.flickr.com/photos/exbr/ – Galería de Expedition Brazil Tours’ s Pictures

Um pouco de luxo não faz mal a ninguém
Em São Luís se hospede no Pestana. Vá à Barreirinhas de avião (mais ou menos R$ 290,00 por pessoa). Hospede-se no Preguiças Resort. Contrate uma hilux para os passeios e uma lanchona branca linda diretamente no pier de Barreirinhas. E claro volte à São Luís de avião!


Pestana São Luís – Foto divulgação

 


Preguiças Resort – Foto divulgação

Para conhecer sem gastar muito, mas com certa comodidade
Passe dois dias em São Luís. Faça o passeio à Alcântara. Vá de van até Barreirinhas. Fique em uma pousada no centro da cidade. Passe três dias e faça o fundamental, mas que não deixa de ser excepcionalmente lindo: Lagoa Azul, Lagoa Bonita e Rio Preguiças com Pequenos Lençois. Tua dose de luxo, poderia ser contratar em Caburé um barco até Atins, para comer os famosos camarões, e voltar a tempo de retornar com a voadeira para Barreirinhas. Seriam cinco noites de hotel, caso tenha um dia a mais, durma em Alcântara, ou visite Raposa e São José do Ribamar.

Para ver todos os posts do Maranhão, clique aqui.

5 Comentários

  1. Mauricio Oliveira

    A parte aventureira é a q mais vou gostar. ADOREI o post! Parabens! 😀

    responder
  2. Guta Vambora!

    Mto bom post!!!!

    responder
  3. Mônica Coelho

    Ola, vou para sao luis agora no fim de maio e leio mto sobre o destino. Na minha opiniao, vc e quem melhor descreve o lugar eos passeios aos Lencois. Como vou com minha mae q tem 70 anos e mta energia, gostaria q vc me ajudasse com um roteiro q nao fosse desgastante. Chego as 17 horas de quarta em slz e vou embora na noite de domingo( bem tarde). Faco algo a noite em slz ou vou direto pra barreirinhas? Tem gente dizendo q deveria ir direto para Atins. Tem jeito? Vc acha adequado? Desde ja agradeco,
    Monica

    responder
    • Patricia de Camargo

      Monica,
      a viagem para Barreirinhas é meio longa, dormiria em Sao Luis e sairia bem cedo no dia seguinte. Para uma pessoa de 70 anos acho que o mais confortavel seria permanecer em Barreirinhas, tem mais infra-estrutura. Voce teria 3 dias inteiros para curtir o lugar, poderia no dia da chegada fazer a Lagoa Bonita. No dia seguinte alugar um barco para fazer os Pequenos Lençois e chegar até Atins para comer o maravilhoso e famoso camarao. No terceiro dia fazer a Lagoa Azul e voltar para Sao Luis no fim da tarde, e ni dia seguinte visitar o centro histórico e ir comer algo na orla, ou fazaer um passeio até Alcantara.
      Um abraço, e desculpa que estou de viagem e sem acentos!

      responder
  4. Helga Calheiros Amador

    Oi Patricia, falei com você no post e Atins.
    Vi pelas fotos que é possível fazer uma parada tomar um banho nas lagoas, tomar alguma coisa.
    Como vou com meu spais eles não tem a mesma disposição que eu. Nestes passeios ( lagoa bonita, lagoa azul e rio preguiça) é possível descansar, tomar um sol e comer e beber alguma coisa, ou é só caminhada?
    Obrigada, Helga

    responder

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • É assim mesmo, sem truques 😉 Eu usei o Innsbruck Card de 48 horas para visitar os atrativos e subir na montanha ontem. Valeu a pena, a economia é real, fora a comodidade! 
E entre uma visita e outra, esta chuva de ruas lindas e montanhas imperiais. Curtiu?

#myinnsbruck #austrialovers #mountainscenery
  • Marca com quem você gostaria de compartilhar este banquinho a 2.256 metros de altura no top de Innsbruck 😉

Eu queria marcar o Tom, mas ele não tem Instagram 😂 
#myinnsbruck #innsbrucklover #mountains🗻 #austria_memories #nordketteinnsbruck
  • Na Arena Romana de Verona sendo feliz. Eu e a infanta de Velásquez 😉 Comprei o Verona Card de 24 horas e valeu a pena. Custou 20€, mas foi uma loucura passar apenas uma noite na cidade. Andei 19 km e tive que ir muito rápido, deveria ter ficado no mínimo 2 noites. O Verona Card de 48 horas custa 25€. #veronalovers #arenadiverona #italialovers #happymoments❤ #24horasverona
  • Olha o que eu encontrei pelas ruas de Pádua 🖤 Tudo a ver com a data de hoje 😉 que devia ser um dia para comemorar qualquer amor, mas principalmente o amor próprio! E também a empatia! A ser capaz de se colocar no lugar do outro, a “calzar el zapato del otro” ❤️ #padualovers #streetart #loveyourself #padova #beautifulstreet
  • Sonho realizado e em dobro 😂 hoje realizei duas visitas à Capela Scrovegni, pintada por Giotto no comecinho do século 14. Uma das obras que marcaram a revolução na arte ocidental, ou seja, o Renascimento.

Giotto foi um pré-renascentista, um dos gênios que criaram as condições para que esta nova forma de pensar e fazer arte fosse possível.

No verão oferecem a visita noturna. Eu gostei mais por causa da iluminação e também porque éramos apenas 2 pessoas na última visita, a das 21:20 horas. A entrada noturna custa 8€, a diurna custa 13€ e inclui outros dois museus. 
#giotto #padova #renascimento #capelladegliscrovegni #historiadaarte
  • A gigante Basilica de Santo Antônio. É bem bonita por dentro, praticamente coberta por pinturas, afrescos e relevos. Não pode fotografar nada! A entrada é gratuita. 
Eu te recomendo que ao menos pague para entrar no Oratório de São Jorge, totalmente coberto de afrescos do século 14 de Altichiero. Custa 3€ e se for visitar o Museu Antoniano, o bilhete único sai por 7€ e inclui um audio-guia para todo o complexo, incluindo a basílica.

O bilhete único ainda inclui a sala principal da Confraria Antoniana, conhecida como Scoletta del Santo, que simplesmente abriga a primeira obra encomendada diretamente a um jovem pintor veneziano, chamado Tiziano 😱 na época ele tinha 20 aninhos.

#padua #padovalovers #altichiero #prerenascimento #basilicasantantoniopadova

Follow Me!