Guias de Viagem e Arte

 
 
maio 05 2009

Passeio por Curitiba – de Andersen ao Passeio Público

Depois de visitar o Setor Histórico, não vale a pena pegar o ônibus turístico, melhor deixar para o dia seguinte e desfrutar durante todo o dia. Eu vou dar duas opções a partir do Largo da Ordem. Nos dois casos, o passeio é para ser feito à pé.

Desça a rua ao lado da Igreja da Ordem, a Mateus Leme, e antes de chegar a um dos primeiros shoppings da cidade (Mueller), você vai encontrar o Museu Alfredo Andersen, exatamente na quadra antes do shopping. Um museu pequeno, mas que mostra um pouco da obra do artista considerado o pai da pintura paranaense – Alfredo Andersen.
Passeio por Curitiba
Auto-retrato de Alfredo Andersen

A casa era onde ele vivia e trabalhava. Um norueguês que por causa de um temporal viu seu barco aportando no Porto de Paranaguá, em uma viagem com destino final – Buenos Aires. Mas sabe o que aconteceu? Ele acabou ficando por lá, até hoje ninguém sabe bem o porquê, já que ele estava pouco a pouco sendo reconhecido na Europa. O fato é que ele ficou e um tempo depois se apaixonou por uma jovem descendente dos índios carijós – Anna de Oliveira.

Neste tempo, viajar para Curitiba era bem complicado, mas tudo mudou quando se construiu a estrada de ferro. O que fez Andersen realizar algumas viagens à capital, e em uma das visitas algo lhe impressionou muito: “Em 1893, visitei em Curitiba a Escola de Artes e Indústrias dirigida pelo Sr. Mariano de Lima, tendo ficado impressionado. Encontrei as diferentes classes cheias de alunos, crianças, moças, rapazes e homens, todos trabalhando na melhor ordem. A breve visita fez de mim um admirador desse Estado progressista”.

Assim depois de 10 anos em Paranaguá, a família decide mudar-se para Curitiba. Se no litoral ele já ensinava arte, quando chega em Curitiba esta será sua principal tarefa, e como vai formar toda uma geração, por isso será conhecido como “pai da pintura paranense”.

Tão importante foram suas obras e sua tarefa de mestre, que com 71 anos lhe foi concedido o título de cidadão honorário de Curitiba.
Roteiro de Curitiba

O museu é pequeno, assim depois da visita pegue a primeira rua à direita, passe pela Praça 19 de Dezembro que comemora a Emancipação do Paraná do Estado de São Paulo, em 19/12/1853. O painel de azulejos é do Poty e conta a história do Paraná. Esta praça é conhecida entre os curitibanos como do Homem e da Mulher nús (ou aqui entre nós, dos peladões). Ambos são obras de Erbo Stenzel, mas o Homem fazia parte do projeto da praça, a mulher não. O homem mostra este paranaense que está em formação, e por isso se encontra nú. Agora, a mulher é outra história, Erbo realizou esta obra para o Tribunal de Justiça, representando a deusa grega, Ártemis. Mas foi um escândalo na época, e ela acabou atrás do tribunal, e quando o artista morreu, o que fizeram? Colocaram na praça do lado do homem nú, … ela era enorme, não tinham aonde colocar, o que fazemos? Faz casalzinho com aquele homem gigante e nú. Oh, cada uma!
Roteiro de Curitiba

Atravesse a praça e veja o Memorial Arábe. Na capital há diversos portais, parques e edifícios que prestam uma homenagem às diversas etnias que ajudaram a conformar o atual Paraná, e a cidade de Curitiba. Os primeiros imigrantes eram argelinos e chegaram em 1868, depois vieram os poloneses, italianos, alemães, etc… Em 1872 dos 9.000 habitantes de Curitiba, 1.500 eram imigrantes! E eles mudaram os hábitos da cidade, por exemplo, introduziram os bailes, as árvores enfeitadas de Natal, os picnics pela cidade, sem contar que até hoje nossa culinária é toda uma mistura de todas estas etnias.
Roteiro de Curitiba

Na frente do Memorial, está o Passeio Público. Foi o primeiro parque público e primeiro zoológico da cidade. Foi inaugurado em 1886, e seu portão principal é a réplica do portal do cemitério de cães de Paris.
Roteiro de Curitiba

Cansou? Quer fazer umas comprinhas? Retorne a um dos primeiros shoppings da capital – Mueller. Quer comer algo? Eu indicaria três lugares do shopping:

1. Au-au, o melhor cachorro-quente da cidade. A loja mais tradicional está na Rua Carlos de Carvalho, e os carrinhos em frente ficam abertos até altas horas da madrugada.
2. 10 Pastéis – o melhor pastel da cidade.
3. Trovatta Risotteria – vai de um prato de risotto com grelhado, ainda vou falar deste restaurante por aqui. Tem outras filiais pela cidade.

Para conhecer a programação cultural da cidade, consulte a página:
http://guia.rpc.com.br/

Informação prática
Horário Museu Alfredo Andersen
De terça a sexta feira, das 9:00 às 18:00 horas
Sábados e domingos das 10:00 às 16:00 horas

Fotos:
Interior museu: Museu Alfredo Andersen
Praça 19 de Dezembro – http://maysaalima.zip.net/images/curitiba-praca19dez.jpg
Passeio Público: http://www.hagah.com.br/locais/jsp/default.jsp?regionId=15&action=detail&uf=3&local=7743&locale=C7743&ingrid=246869
Memorial Árabe: http://www.arabe.cl/

4 Comentários

  1. Caio

    Ishi Paty, desculpa a demora em respondeu um comentário q vc fez sobre um vídeo d qdo estive no peru. Não estava te ignorando não, viu! É q naum entro no blog há muito tempo, por isso não vi.Eu edito em premiere, q é da Adobe. `Facil de achar torrents pra instalar.

    responder
  2. Patricia de Camargo

    Caio, tava com saudades de ocê, porfa volta a publicar! Obrigadão pela dica do editor!Beijos

    responder
  3. Martinha

    Uauuu..Que surpresa ver o Museu Alfredo Andersen por aqui..Quando morava em Curitiba ia muito là.. perdi as contas de quantas horas passava là encomodando o povo..Não o conhecia até ir pra Curitiba.. e um belo dia caminhando pelo Batel ou Bigorrilho (nem me lembro +) me deparo com a praça "Alfredo Andersen" e levo um choque..Eu sou Andersen.. e o nome do meu avô paterno é Alfredo.. so que não o conheci, faleceu qdo meu pai era criança, e minha avo casou de novo.. Sei que foi uma dessas coincidências loucas da vida..Chegando em casa fui olhar na internet e descobri o museu..No dia seguinte fui là e nunca + sai..Sempre que alguém ia me visitar, eu arrastava pro museu..=D

    responder
  4. Patricia de Camargo

    Martinha Andersen hein!!!Eu adoro este artista, ele foi mais que importante para a arte paranaense, agora também podem se ver obras dele no Museu Oscar Niemeyer!Beijos

    responder

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Tristeza pela situação catalã. A região já perdeu mais de 1000 empresas e 15% das reservas turísticas. Tudo por culpa de uma famigerada ideia de um estado paradisíaco, graças à independência. Um artista espanhol definiu bem a situação, "não é Espanha contra Catalunha; é Catalunha contra Catalunha". .
#catalunha #españa #barcelona #gaudi #casabatllo #arte #sadmoments
  • Prá todo mundo que vez ou outra, sente-se imerso neste vagão de trem, sem saber bem aonde vai chegar 🚆
.
#tokyo🇯🇵 #japan🇯🇵 #feelings
  • A obra mais polêmica de GOYA no Top100Arte, lá no meu canal do YouTube - Patricia de Camargo. Também tem link na bio 💚

#arte #goya #historiadaarte #Top100Arte #youtuber
  • Tem tanta coisa prá censurar - corrupção, narcotráfico, crimes de gênero, crimes de ódio, mas tem gente que prefere  ir atrás da arte, "que torna  a vida suportável" 🙁

Todos os autoritarismos começaram desta maneira, indo atrás de artistas. Cuidado com o que você defende!

#Repost @gabi_mariliagabriela (@get_repost)
・・・
SOMOS MUITAS VOZES QUE NÃO ACEITAM A CENSURA E A DIFAMAÇÃO.  #342Artes  #censuranuncamais  #contraacensuraeadifamação
  • Diz aí, não está ficando com vontade de conhecer Gran Canaria? 😉

#lascanterasbeach #laspalmas #iggerslaspalmas #beachlife🌴🌞🌊🏄👌💁 #beachday #beautifulday #grancanaria #laspalmasdegrancanaria
  • E o dia amanheceu assim ... simplesmente perfeito, no quintal da minha casa 🤗

#beautifulday #beachlife🌴🌞🌊🏄👌💁 #lascanterasbeach #laspalmasdegrancanaria #iggerslaspalmas #canaryisland #españa

Follow Me!