Guias de Viagem e Arte

 
 
abr 21 2016

Onde dormir em Chiang Mai – De Naga Hotel Chiang Mai

hotel-4-estrelas

Reserva de Naga Hotel

Como a grande maioria das reservas desta viagem, usei o parceiro aqui do blog, o Booking. Como viajamos na alta temporada fui bem conservadora e reservei em outubro para a estadia em fevereiro do ano seguinte. Sem querer, acertei em cheio, porque nesta época que estivemos em Chiang Mai acontece uma super festa das flores e a cidade estava que explodia de tanta gente!

Na hora “H” no Naga Hotel Chiang Mai

A recepção não podia ter sido melhor, pediram que nos sentássemos, serviram uma bebida refrescante enquanto realizavam de forma rápida nosso check-in. Todos os funcionários foram amáveis conosco, e mesmo estando no burburinho de Chiang Mai, o hotel era uma tranquilidade só!

O que significa estar no burburinho? No caso de Chiang Mai significa estar hospedado no centro histórico, na “old city” dentro do que seriam as muralhas levantadas logo que a cidade se construiu no século 13.
IMG_9630
A internet funcionava super bem, a piscina dificilmente estava cheia, é que numa cidade com tanta coisa para fazer, nós nem tivemos tempo de pensar num mergunho 😉

Ao chegar de noite toda entrada entre plantas e fontes estava iluminda pelas típicas lanternas asiáticas, era como uma ritual de passagem da loucura da city para o relax do De Naga!
PicMonkey Collage2

Como era nosso quarto no De Naga Hotel

Grande, com uma bela decoração que usava muita madeira escura entre o branco, o vermelho e o cinza, com algumas pinceladas de dourado. Bom gosto entre duas belas camas, que a noite estavam preparadas para nos receber e de mimo um chocolatinho. Como a maioria dos hotéis que nos hospedamos, todos os dias chegavam ao nosso quarto duas garrafinhas de água de cortesia.
IMG_9614
IMG_9618
A limpeza merecia um 10, aliás no hotel como um todo. Nosso quarto dava para um jardim interno onde reinava a piscina e as nagas nas colunas. Como nossa diária não incluia o café-da-manhã optamos por provar locais diferentes, mas num dos dias tomamos nosso café no bar-restaurante do próprio hotel, e estava ótimo, vou colocá-lo na Guia de Chiang Mai, que será o próximo post desta série da Tailândia.
PicMonkey Collage

Relação custo x benefício

Pagamos por 3 diárias sem café da manhã neste 4 estrelas, 7.504,65 bahts, mais ou menos R$ 750,00. Seriam R$ 250,00 por dia, e portanto R$ 125,00 por pessoa. Pela localização e pelo hotel em si, a relação custo x benefício é excelente. Recomendo sem pestanejar e voltaria 🙂 Perfeito para lua-de-mel ou aquela viagem especial a dois!

Para reservar este hotel, clique aqui.

Veja todos nossos posts da TAILÂNDIA

Busque e reserve seu hotel em CHIANG MAI, clicando aqui. Assim você conseguirá ótimos preços, poderá cancelar sem taxas sua reserva (excepto em alguns casos quando se tratam de promoções!) e ainda ajudará a manter atualizado este blog. Obrigada

Nem pense em viajar sem seguro, a gente facilita as coisas te oferecendo um desconto de 15% \o/ Clique aqui, e para ganhar o desconto neste ano de 2016, coloque o código: 15%2016. Para ver os descontos em outros anos, clique aqui.

O texto e as imagens deste post pertencem ao turomaquia.com, qualquer uso indevido dos mesmos constitui crime à lei do direito autoral, com penas de reclusão de 2 a 4 anos. Se você estiver vendo este post dentro de um endereço (URL) que não comece com www.turomaquia.com, por favor escreva para a gente e nos informe sobre o site que está roubando nosso conteúdo: contato@turomaquia.com. Muito obrigado por nos ajudar a combater estes crimes que se cometem no dia a dia!

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Na frente de um dos nossos hotéis da viagem, prá avisar que já saiu o primeiro post de PARIS, com uma dica incrível! Visite o www.tuomaquia.com ou clique no link da bio 👍

#parislovers #lamaisonfavart #paris @hotellamaisonfavart
  • Eu viajei com a Ledinara do @curitidoce isso enriqueceu de uma maneira louca minhas experiências gastronômicas.

No mesmo dia da foto anterior, também estivemos na @maisonladuree 
Ela teve a ideia de comprar este macaron en forma de coração para provar e tirar fotos no Jardim des Tulleries, que fica do ladinho de uma das lojas.

Custou 2,10€ e nos divertimos barbaridades. Aliás se eu fosse você, seguia a @curitidoce porque ela fez vídeos de todos os doces que provamos nos 4 dias que estivemos juntas 💕

#laduree #parislovers #parisfood #paris #macaron
  • Uma das grandes experiências desta viagem: comer uma das “frutas” do grande @cedricgrolet 
O limão negro que eu comi é feito com um pequeno limão desta cor que vem do Irã após ficar um mês no deserto secando. 
O senhor que nos recebe na porta e que eu chamaria de chefe de sala, é um dos responsáveis em converter esta experiência em inesquecível. 
Não é um doce barato, mas vale cada centavo 😉

#cedricgrolet #parisfood #parislovers #doce #paris
  • Tão legal estar de bobeira e de repente, dar com ela 🤗 qual é teu lugar favorito para fotografar a torre?

#toureiffel #paris #parislovers
  • Esta belezura da foto já ganhou em 2014 o título de melhor madeleine de Paris. A madeleine é um bolinho com um toque de limão. 
Eu vim na Blé Sucré e comprei o pacotinho com 4 mais um expresso e paguei 5,50€. Comi na pracinha na frente da loja porque todas as mesas estavam ocupadas e posso te confirmar que é MARAVILHOSA 😍

Te dedico @curitidoce saudades de ti!

#blesucre #madeleine #parisfood #parislovers #foodporn
  • Hoje fiquei o dia inteiro no Louvre. A entrada sai por 15€, se quiser um audio-guia deve pagar 5€ quando compra a entrada. 
Peguei para testar como estava e fiquei brava. Quando estava super longe de onde tinha retirado, acabou a bateria. Fiquei com o dito cujo no pescoço por muito tempo sem serventia nenhuma. Ou seja, me entregaram um equipamento que não estava totalmente carregado.

Foi o museu onde o pessoal era menos amável e que menos ajudava. Uma pena ☹️ Claro que tem que ir, mas vá preparado. Eu posso te ajudar na tarefa 😉 sabe que eu escrevi um Guia do Louvre?
#louvremuseum #arte #paris #parislovers

Follow Me!