Guias de Viagem e Arte

 
 
abr 03 2009

O que fazer em Foz do Iguaçu

Tem bastante coisa para fazer em Foz do Iguaçu, mas se você tiver poucos dias ou um feriadão terá que ver o essencial, que são as Cataratas do Iguaçu dos dois lados e a Itaipu.

Tem gente que não gosta da Itaipu, acha a visita meio boba, mas eu adoro. É incrível ver a evolução humana, a ponto de construir esta imensa obra de engenharia. Tudo começou em 1973 quando paraguaios e brasileiros escolheram o lugar da construção, num trecho do rio conhecido como Itaipu, que em tupi-guarani significa “a pedra que canta”. Na verdade Itaipu era uma pequena ilha que quase sempre estava submersa, e este ponto era estratégico porque o Paranazão (como os paranaenses chamam o Rio Paraná) havia escavado um cânion bastante profundo no rio. As obras se iniciaram em 1974, e a partir daí tudo será uma grande loucura em termos numéricos, veja só:

– Entre 1975 e 1978 – se contavam 9.000 moradias de trabalhadores no canteiro de obras da Itaipu.

– Foz do Iguaçu que tinha apenas duas ruas asfaltadas e 20.000 habitantes no começo da construção, passou em 10 anos, a ter uma população de 101.447 pessoas.

– 14/11/1978 – se lançaram na obra 7.207 metros cúbicos de concreto, o equivalente a um prédio de dez andares a cada hora.

– 1980 – o transporte de materiais á obra mobilizou 20.113 caminhões e 6.648 vagões ferroviários.

– 1981/1982 – a primeira roda de turbina com 300 toneladas, saiu de Sampa no dia 04/12/1981 e chegou á obra no dia 03/03/1982.

– 1982 – inauguração oficial

– Gera a energia de ¼ do Brasil e de todo o Paraguay.

– A abertura do vertedouro gera uma vazão d´água 40 vezes superior á das Cataratas.

– Com o volume do concreto utilizado se poderiam construir 210 Maracanãs.

– Com o ferro e o aço: 380 Torres Eifel.

– É a segunda maior do mundo em potência, com seus 14.000 megawatts, atrás apenas da chinesa – Três Gargantas, mas sua produção acaba sendo maior dada a estabilidade do regime de águas do Paranazão.

UFA!!!! E como se visita esta maravilha? Existem duas possibilidades, através de uma visita panorâmica ou de um circuito especial.

A visita panorâmica dura 1 hora e meia, é realizada em ônibus da Itaipu. A primeira saída é às 8:30 e as subseqüentes a cada uma hora, sendo que a última sai às 16:30 horas. Foi esta que eu realizei, é legal, mas o Circuito Especial permite conhecer o interior da barragem e a sala do comando!

O Circuito especial tem monitores bilíngües, está composto por sete etapas, e as saídas são às: 8:30/ 9:00/ 10:30 / 11:00 / 14:00 / 14:30 / 16:00 / 16:30. Duração de duas horas e meia, e com grupos de no máximo 25 pessoas (seria interessante fazer uma reserva para garantir a visita!). Esta visita somente pode ser realizada por maiores de 14 anos, e não está permitido o uso de chinelos, shorts, saias, salto alto ou sandálias durante a visita.

Outra atração legal é o espetáculo de luzes e sons, quando se ilumina a barragem. Acontece todas sextas-feiras e sábados, às 20:00 horas ou às 21:00 horas no horário de verão. Quando realizar sua visita pela tarde, aproveite e já compre uma visita combinada para ver a Iluminação.

Ainda se pode visitar o Ecomuseu, o Refúgio Bela Vista, o Museu da terra Guarani, fazer trilhas e muitas outras coisas, mas para isso você teria que passar mais do que 3 dias em Foz do Iguaçu!

Informação prática:
Site Oficial: http://www.itaipu.gov.br/index.php?q=pt/turismo

Site interessante: http://h2foz.com.br

Tarifas:
Visita panorâmica
R$ 13,00
R$ 6,50 – estudantes, menores de 7 a 16 anos, maiores de 60 anos

Iluminação barragem
R$ 6,00
R$ 3,00 – estudantes, menores de 7 a 16 anos, maiores de 60 anos

Visita combinada panorâmica + iluminação
R$ 14,00
R$ 7,00 – estudantes, menores de 7 a 16 anos, maiores de 60 anos

Circuito Especial

R$ 30,00
R$ 15,00 – estudantes, menores de 14 a 16 anos, maiores de 60 anos

Escrevi para setor de reservas da Itaipu e eles ainda me mandaram informação sobre outros dois passeios, no refúgio e no ecomuseu, repasso aqui as descrições de ambos. Queria destacar que me responderam em menos de uma hora!

Refúgio Ecológico
Saindo do Centro de Recepção de Visitantes, os visitantes embarcam em uma carreta, que realiza um belo trajeto, passando pelo Canal da Piracema. Chegando no Refúgio
Biológico, é realizada uma caminhada numa trilha de aproximadamente 2 km, onde pode-se ver animais silvestres e plantas da região. Visita sujeita a cancelamento em caso
de chuva.
Horários: Diariamente, exceto terças- feiras, às 8h30, 9h30, 10h30, 14h e 15h.
Valores: R$ 12,00 (adultos) e R$ 6,00 (entre 7 e 16 anos, acima de 60 anos e estudantes, com
apresentação de documentos).
Duração aproximada: 3h30, com o filme. É necessário agendar previamente.
Sugestão: Recomenda-se o uso de calçados e roupas confortáveis para a caminhada.

Ecomuseu
Visita ao Ecomuseu de Itaipu, espaço que preserva a história da região e da usina.
Descrição: o visitante pode apreciar cada módulo do museu, de acordo com seu interesse e ritmo; em cada espaço há um monitor para que possa esclarecer suas dúvidas. O ecomuseu disponibiliza totens eletrônicos e maquetes, onde se tem
informações e números sobre a usina. Além disso, o acervo conta também com a réplica de uma unidade geradora em funcionamento.
Horários: Terça a domingo, das 8h30 às 17h30.
Valores: R$ 8,00 (adultos) e R$ 4,00 (entre 7 e 16 anos e acima de 60 anos)
Duração aproximada: de 40 min a 1h30.

Para ler todos os posts de Foz do Iguaçu e Região, clique aqui

fotos: turomaquia_2005

7 Comentários

  1. Michel

    Oi Paty!!Que post legal!! Temos que valorizar coisas diversas também, ainda mais na nossa terrinha!!! Jajá você terá um material legal pra escrever um livro!!!!!Eu chego dia 9 no Brasil!!!! Mas Curitiba já fica meio longe 🙁 Se por aí tá fazendo mto calor, imagina em Fortaleza!! Aveeeeeeeeeee :DMas boa viagem pra todos nós então :))Bjaum e mta paz!! Michel

    responder
  2. SÍLVIA OLIVEIRA

    Uia, eu também amei a Itaipu, e em nenhum momento passou pela minha cabeça que não poderia ser legal! Aquilo é fantástico, marquei minha visita com dois meses de antecedência por medo de perder minha vaga! hahahahaha! Bjs!

    responder
  3. Patricia de Camargo

    Michel, que legal, esta semana estaremos os dois sintonizados nas ondas brasileiras. Espero ver pronto no RODANDO NO MUNDO tuas andanças por aqui!!!E cara eu não conheço um espanhol que não queira conhecer as Cataratas do Iguaçu!Beijos

    responder
  4. Patricia de Camargo

    Silvinha, eu também AMEI, mas já ouvi gente falar: “era só isso…”. É uma obra impressionante!Beijos

    responder
  5. Anonymous

    oi… onde fica o parque dos passaros ou refugio das aves lá? Sabe o endereço?luanarsoares@yahoo.com.br

    responder
  6. cristina hugo

    Olá! Eu, meu namorado e um casal de amigos estivemos na Páscoa em Foz e, além dos parques brasileiro e argentino, e parque das aves, fizemos três roteiros em Itaipu (um dos vertedouros estava abert): Circuito especial (adoramos), Iluminação (achei meio sem graça, mas os outros gostaram) e o refúgio Bela Vista (mto legal). Recomendo principalmente o circuito especial.

    responder
    • Patricia de Camargo

      Cristina, obrigaduuuu pelo teu depoimento!
      beijos

      responder

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Dia 14 de dezembro, caçamba! Depois que passei dos 30, parece que os anos aceleraram seu ritmo de passagem 🤔

Este lugar da foto, foi um dos mais incríveis que conheci neste 2017.
.
#greece #voidokiliabeach #peloponeso #happiness😊
  • Hoje o mar não está prá peixe 🦈🐳🐋🐬🐟🐡
.
#lascanterasbeach #beachlife🌴🌞🌊🏄👌💁 #canaryisland #laspalmasdegrancanaria #españa
  • Kyoto e seus rituais budistas. Por uma vida mais zen ou ao menos uma semana de paz e amor prá todos nós 🙏
.
#kyoto🇯🇵 #budismo #zen #japan🇯🇵 #templo
  • Um domingo maravilhoso prá vocês 😍🤸💏 Foto by Ale Avelar
  • O encontro no @masp_oficial de dois grandes: Anita Malfatti e Pablo Picasso. .
#arte #masp #historiadaarte #picasso #anitamalfatti
  • Dia preguiçoso e lindo por aqui. Porque hoje na Espanha é feriado, dia da Constituição 💃
.
#españa #lascanterasbeach #laspalmasdegrancanaria #canaryisland #feriado

Follow Me!