Guias de Viagem e Arte

 
 
mar 07 2017

Notredame: olha o gótico aí gente!

Notredame e o gótico: arco ogival e abóbada de nervuras

No século XII as cidades voltaram a ganhar importância. Uma queria ser melhor do que a outra, e nestas competições entravam também suas catedrais. Todos queriam ter a catedral mais alta e mais bonita. Mas para construir edifícios mais altos era necessário utilizar outras tecnologias, diferente daquelas utilizadas nas catedrais românicas.

A primeira diferença foi o arco utilizado: o ogival. Aquele arco pontiagudo que os árabes já utilizavam em suas construções desde o século X. Este arco distribui melhor os pesos suportados pela estrutura, e leva a modificação da abóbada, ou seja, da parte superior (o teto). O encontro dos arcos forma um desenho no teto que lembra uma teia de ramificações, e daí seu nome abóbada de nervuras. Estas “nervuras” são visíveis.
Notredame - arte gótica

Veja todos nossos posts de ARTE, clicando aqui.

Notredame e o gótico: vitrais e arcos botantes

Mas como deixar estas igrejas mais bonitas e luminosas? Não havia luz elétrica, então os vãos nas paredes deveriam ser maiores. Para que isto fosse possível utilizaram os arcobotantes, que é uma espécie de transmissor, por quê? Porque transmite a pressão de uma abóbada (do teto) para uma outra parede que está fora do edifício, o contraforte. Desta maneira podiam criar vãos enormes nas paredes para instalar vidros ou janelas. Complicado? Nada disso, dá uma olhada na ilustração e na foto que mostra estes arcobotantes e o contraforte.
Estrutura gótica

Quem já viu uma foto da Notredame de lado ou de trás já observou esta estrutura. Estes arcos super fotogênicos são os arcobotantes e a parede que suporta o peso e a pressão da estrutura interior é o contraforte!
Notredame - Paris
Não bastava com deixar a luz entrar. Era necessário elevar o espírito e preparar os cristãos para “falar” com Deus. Nada melhor que criar um ambiente, como? Colocando naqueles vãos, vidros coloridos que com os reflexos solares criassem cores alucinantes dentro dos edifícios, daí veio a idéia de utilizar os vitrais!
Notredame
Notredame - Paris

Notredame e o gótico: a decoração das fachadas

As fachadas também ganharam mais relevos e as colunas externas e algumas interiores, esculturas alongadas que aumentaram ainda mais a sensação de elevação, de altura. E nada de uma simples entradinha, naquel momento eram três totalmente decoradas com trechos do Antigo e Novo Testamento.
Notredame
Nesta luta por ter a igreja mais alta, muitas pessoas morreram porque várias construções desabaram diante da cobiça de seus idealizadores. Este ambiente da época das grandes catedrais góticas é o cenário do livro de Ken Follet – “Os Pilares da Terra”. Narra um momento da história em que os homens queriam aproximar-se de Deus através de suas majestuosas e gigantescas catedrais!

Planejando sua viagem para FRANÇA

Planejamento ViagemVeja todos nossos posts: de PARIS e da PROVENCE

Planejamento ViagemBusque e reserve seu hotel em: PARIS |LYONS LA FORÊT | ETRETAT | LE TRÉPORTCASSIS | MARSEILLE | MOUSTIERS SAINTE-MARIE | LUBERON| AVIGNON | NIMES | AIX-EN-PROVENCE | LES BAUX DE PROVENCE | SAINT-RÉMY-DE-PROVENCE . Assim você conseguirá ótimos preços, poderá cancelar sem taxas sua reserva (excepto em alguns casos quando se tratam de promoções!) e ainda ajudará a manter atualizado este blog. Obrigada

Planejamento ViagemLembre que o seguro de viagem é obrigatório para entrar na maioria dos países europeus. Fora que, qualquer problema lá fora pode te custar uma fortuna! A gente facilita as coisas, nosso parceiro Real Seguros, orça teu pedido em diferentes seguradoras e encontra a melhor prá você, seja por critério preço ou cobertura, para acessar clique aqui.

Prove abaixo …

Guia Louvre

2 Comentários

  1. Luciana

    Suas explicações são ótimas. Sou sua fã e a recomendo para os amigos. Finalmente, entendi os arcobotantes e contrafortes. um abraço. Aguardo novos post. Parabéns.

    responder

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Parece pintura, mas é o cotovelo do Danúbio visto do mirante “Schlögener Blick”. Schlogen foi onde começamos nosso passeio de bici que vai nos levar até Viena 🚴🏽‍♂️🚴🏽‍♂️🚴🏽‍♂️ #biketrip #schlogen #austrialovers #danubioriver #donau
  • Esperando o embarque para Schlogen. Vamos de barco até lá e depois mais 52 quilômetros de bici até Linz. Vou tentar mostrar tudo nos Stories 🚴🏽‍♀️🚴🏽‍♀️🚴🏽‍♀️ #passau #biketrip #schlogen @romantische_donauschifffahrt #boattrip
  • Que lugar!!! Adorei a ida aos castelos do Rei Ludwig II. É um bate e volta meio cansativo porque são 2 horas de trem e outras 2 para voltar, mas o dia foi inesquecível. 
Estávamos em 3 e o bilhete de trem ida e volta para o grupo custou 37€. A entrada para os dois castelos 25€ por pessoa. Em Füssen esperando o trem, tomamos meio litro de radler a 3,50€. Engraçado que curto mais o tour pelo castelo menos famoso, gostei mesmo do Neuschwanstein por fora, mas isso é gosto e já sabe né, gosto não se discute, como máximo se lamenta 🤣🤣🤣 #neuschwastein #fussen #castle #alemanha🇩🇪 #castelos
  • É assim mesmo, sem truques 😉 Eu usei o Innsbruck Card de 48 horas para visitar os atrativos e subir na montanha ontem. Valeu a pena, a economia é real, fora a comodidade! 
E entre uma visita e outra, esta chuva de ruas lindas e montanhas imperiais. Curtiu?

#myinnsbruck #austrialovers #mountainscenery
  • Marca com quem você gostaria de compartilhar este banquinho a 2.256 metros de altura no top de Innsbruck 😉

Eu queria marcar o Tom, mas ele não tem Instagram 😂 
#myinnsbruck #innsbrucklover #mountains🗻 #austria_memories #nordketteinnsbruck
  • Na Arena Romana de Verona sendo feliz. Eu e a infanta de Velásquez 😉 Comprei o Verona Card de 24 horas e valeu a pena. Custou 20€, mas foi uma loucura passar apenas uma noite na cidade. Andei 19 km e tive que ir muito rápido, deveria ter ficado no mínimo 2 noites. O Verona Card de 48 horas custa 25€. #veronalovers #arenadiverona #italialovers #happymoments❤ #24horasverona

Follow Me!