Guias de Viagem e Arte

 
 
out 26 2010

National Gallery of Ireland – de Caravaggio a Picasso (F.A.Q.)

Todo mundo tem sua mania. A minha? MUSEUS. Dublin foi uma bela e grata surpresa em todos os sentidos. Mas ninguém tinha me avisado que existiam tantos museus de alto nível, que eram Grátissss. Eu quase surtei. Porque tinha que escolher, o tempo era exíguo, a oferta vasta. Entre os museus free, se você tiver que escolher apenas um e teu interesse é mais arte do que outra coisa, teu lugar é a National Gallery of Ireland. Nosso F.A.Q. com as perguntas mais frequentes espera ser o estopim definitivo para que você coloque este museu na listinha de “must see” na sua próxima viagem à Irlanda.

National Gallery of Ireland - Dublin


Como chegar?
Tudo é meio perto em Dublin. Fica do mesmo do lado do rio da Trinity College. Se estiver longe e quiser utilizar transporte público existem várias opções:
Dart:
Parada – Pearse Station, 5 minutos de caminhada.
Bus:
4/A, 5, 7, 7A para Merrion Square North & Clare Street
10 para Merrion Row & Pembroke Street
13/A para Merrion Square South
44/C, 48A para Merrion Square West
LUAS Green Line:
Parada – St Stephen’s Green

Mapa - National Gallery of Ireland

Quando ir?
De segunda-feira a sábado: 9:30 às 17:30
Quinta-feira: 09:30 às 20:30
Domingo: 12:00 às 17:30

O que não posso perder?
No andar térreo o melhor da arte irlandesa. Destaque para a sala:
17James Arthur O´Connor – “The Poachers”
Três caçadores furtivos são surpreendidos por uma lua que ilumina o caminho. O homem como elemento intruso, onde o personagem principal é a natureza. Não estranhe se teu queio cair, a luz do quadro é impressionante. É como se uma lâmpada ilumina por detrás da tela.

James OConnor - The Poachers

18Richard Moynan – “Military Maneuvers”
Parece uma instantânea de um momento, algo espontâneo. Mas que nada, o pintor realizou diferentes esboços para chegar a este resultado final. Observe que as crianças não são nem parecidas, o que muitas vezes acontece nos retratos de grupo. Aqui cada uma tem sua feição particular, que trabalho, hein?!

Richard Moynan – “Military Maneuvers”

13 – A sala dedicada a Jack B. Yeats, irmão do dramaturgo William Yeats. O senhor Yeats era pintor, e dos bons! As pinturas são tão intensas, e a evolução do cara é assombrosa.

No segundo andar estão muitos pesos-pesados da arte ocidental, comece pela sala:

25Caravaggio – “The Taking of Christ” – Obra-clássica barroca, onde a sensação do volume é ampliada com um jogo de contrastes violentos entre zonas claras e escuras. É para sentar e desfrutar nem que sejam 60 segundos!

Caravaggio - Taking Christ

27Lavinia Fontana – “The visit of the Queen of Sheba to King Salomon” – Além de ser uma artista mulher o que já tem seu mérito num mundo de homens renascentistas. A obra em si é ótima e uma detalhe em particular chama atenção. Ela pinta um episódio bíblico mas as pessoas utilizam trajes do Renascimento. Além do que um dos Médici está representado como rei Salomão e sua mulher como a rainha!

Lavinia Fontana -visit-of-the-queen-of-saba

32Pieter Brueghel, o novo – “A Peasant Wedding” – Olha o clima de sensualidade no ar, gente! É uma cena de uma casamento.

pieter Brueghel el nuevo - A peasant Wedding

37 – Nesta sala tem Picasso, Sorolla (o impressionista espanhol), Berthe Morrisot ( a única mulher impressionista que alcançou fama), Sisley, Camile Pissarro, Bonnard, Modigliani, Van Gogh e Emil Nolde (expressionista alemão)! UFA!

39Rembrandt – “Landscape with the Rest on the Flight into Egypt”

Rembrandt - Landscape with the rest on the flight into Egypt

40Frans Hals e Jan Havickszoon Steen – “The Village School” – Esta obra é interessante porque mostra como era uma escola naquela época (século 17). Sem contar, que os professores não tinham boa reputação!

Steen,_Jan_Havickszoon_-_The_Village_School_-_c._1670

Veermer – “Lady Writing a Letter with Her Maid” – A cena que aparece no quadro de fundo, representa o episódio bíblico do Encontro de Moises nas águas do rio. Na época do pintor, os artistas ainda sofriam para sobreviver. Tanto era assim, que a esposa do artista teve que dar este quadro ao padeiro para pagar a conta da padaria!

Veermer Veermer - detalhe

42Velázquez – “Kitchen Scene with the Supper at Emmaus” – Velázquez não deixou um grande número de quadros, por isso ter a oportunidade de vê-los semp
re é incrível. Neste quadro repare que existe uma pintura dentro de outra pintura. Detrás da cena principal vemos um quadro da “Última Ceia”. É um quadro de 1618, e o enquadramento é hiper moderno com recortes e tudo. O cara era realmente um gênio!

Velazquez

43Goya – “Portrait of Antonia Zárate” – Ela era uma atriz, aqui retratada com 30/31 anos (1805). Faleceu jovem, seis anos depois que Goya lhe pintasse.

Goya - Dña Antonia Zarate

Que serviços oferece?
O pessoal é bem simpático, e além de ser free, oferece de forma gratuita audio-guia em inglês. Pegue o seu,  no Information Desk. Tem café-restaurante e lojinha. Nos sábados, às 14:00 horas, e nos domingos às 13:00 e às 14:00 horas oferecem uma visita guiada gratuita, para entrar no grupo, um pouco antes se dirija ao “Information Desk”.

Pode fotografar?
NÃO, realmente temos que começar nossa campanha PRO-FOTO o quanto antes. Daqui a pouco, vamos viver um paradoxo. Todo mundo com câmera, mas somente poderão ser utilizadas dentro de casa, snif snif

Site: http://www.nationalgallery.ie

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Trailer de mais um vídeo da “Odisseia Grega” no YouTube - Patricia de Camargo. Link na bio, te espero por lá 👁

#greecelovers #atenas #vlogatenas #acropoledeatenas #grecia
  • Vistas da Acrópole. O templo grego mais bem preservado do mundo, o de Hefesto 🏛

#greecelovers #templodehefesto #atenas #greciaantiga #mundoantigo
  • Muita gente me diz que sítio arqueológico é só pedra e mais pedra. Mas que nada, são aquilo que a gente foi, são pilhas da nossa memória coletiva, são nossa chance de entender como chegamos até aqui e de que forma queremos ser lembrados em 200 anos quando outros homens e mulheres caminharem pelas ruínas do nosso legado 🙌🏼 #greecelovers #acropolis #atenas #artegrega #estilojonico
  • Dica de Sevilha: café da manhã na tradicional “La Campana” fundada em 1885. O lugar é bonito, gostoso e oferece uma boa relação custo x benefício . Gastamos 13,10€ por 2 sucos de laranja natural, 2 cafés e 2 mistos. 
Também é um ótimo lugar para comer um doce tradicional ou comprar um presente gostoso 😉

Abre todos os dias das 8:00 às 22:00 horas.

#sevilha #lacampana #ondecomersevilha #espanhalovers
  • Esta é a Nova Iorque florida que me deparei numa viagem que realizei nas primeiras duas semanas de maio. Linda demais 💕💕💕 #newyorkflowers #beautifulstreet #centralparkmoments #estadosunidos #novaiorque
  • Qual é seu ponto favorito do Central Park em New York? Eu acho lindo de morrer,  o lugar onde fica uma das maiores fontes da cidade, a Bethesda. 
Também conhecida como "Anjo das Águas", foi o primeiro trabalho de arte pública encomendado a uma mulher. Neste caso, a artista Emma Stebbins, que desenhou a fonte em 1868, sendo inaugurada em 1873.

A gente vê um anjo de bronze de dois metros e meio de altura que carrega um lírio e com a outra mão abençoa a água. Tem um referência bíblica ao evangelho de João que fala de um anjo que abençoa a piscina de Bethesda, conferindo-lhe poderes de cura. 
Debaixo do anjo vemos 4 querubins que representam a pureza, a saúde, a temperança e a paz.

É legal chegar junto à fonte cruzando por debaixo das arcadas da Bethesda Terrace, criada em 1860, um desenho de Jacob Wrey Mould. Debaixo dos arcos costumam se apresentar músicos, já vi um concerto melhor que o outro.

A fonte se encontra mais ou menos no meio do parque na altura da rua 72.

#bethesdafountain #centralpark #newyorklovers #mulheresnaarte #emmastebbins

Follow Me!