Guias de Viagem e Arte

 
 
maio 25 2016

Guia do Museu Nacional de Arte Antiga | Museu em Lisboa

Museu de Arte Antiga - Lisboa
Desde a entrada o museu impacta. Soberbo entre a Praça do Comércio e o Bairro de Belém, meio que escondido sobre uma colina e muita verde. O museu não é pequeno, mas me permitam chamá-lo de pequena jóia. Ideal para conhecer esta desconhecida entre os brasileiros (não entendo o porquê) arte portuguesa. Mas se você não está a fim de descobrir nada. Não se preocupe o museu abriga pérolas como um quadro de um pintor ao que apenas se atribuem aproximadamente umas 4 dezenas de telas, Bosch.

O edifício do Museu Nacional de Arte Antiga

O museu se encontra em um edifício antigo, o Palácio de Alvor construído no século 17 e num anexo de 1940. O gérmen do museu foi uma exposição realizada em 1882, onde se realizou uma retrospectiva da arte ornamental portuguesa e espanhola e que conseguiu reunir 100.000 visitantes \o/ se hoje estes números ainda são espetaculares, imagina para aquela época. Dois anos depois, em 1884, abre o Museu Nacional de Belas Artes e Arqueologia que daria passo ao Museu Nacional de Arte Antiga.
Museu de Arte Antiga - Lisboa

Como chegar ao Museu Nacional de Arte Antiga

Pegue o eléctrico 15E na Praça do Comércio, ou na Praça Figueira para garantir o assento, e desça na parada – Cais Rocha, atravesse a rua e olhe para cima e já verá o museu, é só subir as escadas para dar com a entrada. Também param por lá os ônibus 728, 732 e 760, bem como o eléctrico 18E.
Museu de Arte Antiga - Lisboa

Quando ir e quanto custa o Museu Nacional de Arte Antiga

O museu abre de terça a domingo das 10:00 às 18:00 horas, e independente do dia da semana, não abre: 1/janeiro, domingo de Páscoa, 1/maio e 24 e 25/dezembro.

A entrada custa 6€; maiores de 65 anos pagam 3€ e crianças de até 12 anos tem entrada gratuita. Também é interessante o bilhete Frente Ribeirinha que custa 15€ e inclui a visita a este museu + Museu Nacional do Azulejo e o Panteão Nacional.

Como é a visita ao Museu Nacional de Arte Antiga

Ao subir as escadas, um retábulo de 1537 por Garcia Fernandes te recepciona, e quando você já está suficientemente emocionado aparece a sala mais fotogênica do museu onde reinam 6 grandes pinturas atribuídas a Nuno Gonçalves (1470). Eu lhe animaria a começar pelo 3o. andar onde se encontra a arte portuguesa, mas este andar está fechado temporariamente, mas você poderá ver os painéis do Nuno no primeiro andar, na sala 55.
Museu de Arte Antiga - Lisboa
Guia do Museu Nacional de Arte Antiga

1o. andar

Sala 55, onde temporariamente se encontram os painéis de Nuno Gonçalves.

Passeie pelas salas 51 a 65, onde poderá ver obras de Rafael Sanzio, Tiepolo, Joshua Reynolds. E do francês que esteve no Brasil junto com a Missão Francesa: Nicolas-Antoine Taunay, Pieter Brueghel, Murillo, Zurbarán, Dürer, Lucas Cranach, o velho; Van Dyck, entre outros.

Sala 61, o tríptico de Bosch“As tentações de Santo Antão” de 1500. Como era comum na época do pintor, os trípticos se transportavam. Por isso se fechavam e ao abrir-se deviam deslumbrar as pessoas. Você verá por tudo que teve que passar o pobre santo ermitão, na esquerda os demônios lhe atiram do céu. No centro, luta para que sua fé não lhe abandone e à direita, uma mulher desnuda lhe provoca o desejo da carne e uma mesa cheia de gostosuras, o pecado da gula. Oh, vida difícil!
Museu de Arte Antiga - Lisboa
Guia do Museu Nacional de Arte Antiga
Como em outros trípticos do artista, a pintura que se vislumbra ao fechar ao tríptico é um verde escuro/branco.
Museu de Arte Antiga - Lisboa

2o. andar

Arte da expansão, salas 14 a 18. Para ver a influência mútua dos portugueses em suas colônias e nos países com quem travaram relações comerciais. Como é o caso do Japão, onde chegaram em 1543. Para entender esta influência na sala 14 veja os biombos Namban, produzidos entre 1570 e 1616. Os biombos eram dados para dividir espaços, e normalmente eram realizados de dois em dois. O tema mais recorrente no século 16 eram as cenas do cotidiano. Nos biombos do museu se vê a chegada festiva dos portugueses no barco negro. Ao que os japoneses chamavam de a chegada dos namban jin, ou bárbaros do sul.
Guia do Museu Nacional de Arte Antiga
Na sala 18, não perca o contador (gabinete) com trempe, realizado na Índia quando esta estava sob o domínio mongol. Ele mostra a influência portuguesa. Nas portas inferiores, cavaleiros portugueses caçando. O móvel é de do final do século 16, comecinho do 17.
Museu de Arte Antiga - Lisboa
As salas 19 a 25 mostram a cerâmica. Pense que naquela época, a cerâmica estava destinada aos reis e nobres. Era como ter uma jóia, e que jóias.
Museu de Arte Antiga - Lisboa
Museu de Arte Antiga - Lisboa
Também vale a pena a sala 30 para ver as jóias. Observe que junto a algumas das peças se encontram pequenos quadros que mostram as donzelas levando as jóias expostas.
Guia do Museu Nacional de Arte Antiga
Museu de Arte Antiga - Lisboa

Serviços do Museu Nacional de Arte Antiga

Entre o primeiro e o segundo andar desceria aos jardins. Para tomar um vinho verde ou uma meia de leite no café-restaurante. Com vistas para o Tejo, o Cristo e a Ponte 25 de abril, o restaurante é um achado e tanto. Ele fica aberto nos mesmos dias dos museu, das 10:00 às 17:30 horas, e que como bônus oferece wifi 😉 Na época que estivemos por lá serviam na hora do almoço menus a 14€.
Museu de Arte Antiga - Lisboa
Guia do Museu Nacional de Arte Antiga
Museu de Arte Antiga - Lisboa

Veja todos nossos posts de LISBOA

Busque e reserve seu hotel em Lisboa, clicando aqui. Assim você conseguirá ótimos preços, poderá cancelar sem taxas sua reserva (excepto em alguns casos quando se tratam de promoções!) e ainda ajudará a manter atualizado este blog. Obrigada

Nem pense em viajar sem seguro, a gente facilita as coisas te oferecendo um cupom de desconto. Prá isso clique aqui, e escolha o cupom desconto que melhor se adapta à sua viagem.

Evite filas, compre as entradas para os principais atrativos de Lisboa e também excursões, clicando aqui.

Postado por Patricia de Camargo | Marcadores: ,

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Em 2011, nossos irmãos Campana redecoraram o café do relógio do Museu D’ Orsay. Era o único que eu ainda não havia testado, mas nesta última viagem almocei por lá.

Adorei o atendimento e a comida. O preço é o esperado em um café de museu. Por uma sopa e uma taça de vinho paguei 14€. Tudo delicioso 😜

#irmaoscampana #parisfood #parislovers #paris #museudorsay
  • Olha ela vista do terraço do Arco do Triunfo. Como muitos de vocês comentaram na foto que coloquei do Arco, o legal é subir um pouco antes do sol se pôr e ver o entardecer lá de cima. É algo mágico ⭐️⭐️⭐️⭐️⭐️ É um dos poucos monumentos que fica aberto até tarde.

#leCMN #ArcDeTriomphe #paris #parislovers #arcodotriunfo
  • Na frente de um dos nossos hotéis da viagem, prá avisar que já saiu o primeiro post de PARIS, com uma dica incrível! Visite o www.tuomaquia.com ou clique no link da bio 👍

#parislovers #lamaisonfavart #paris @hotellamaisonfavart
  • Eu viajei com a Ledinara do @curitidoce isso enriqueceu de uma maneira louca minhas experiências gastronômicas.

No mesmo dia da foto anterior, também estivemos na @maisonladuree 
Ela teve a ideia de comprar este macaron en forma de coração para provar e tirar fotos no Jardim des Tulleries, que fica do ladinho de uma das lojas.

Custou 2,10€ e nos divertimos barbaridades. Aliás se eu fosse você, seguia a @curitidoce porque ela fez vídeos de todos os doces que provamos nos 4 dias que estivemos juntas 💕

#laduree #parislovers #parisfood #paris #macaron
  • Uma das grandes experiências desta viagem: comer uma das “frutas” do grande @cedricgrolet 
O limão negro que eu comi é feito com um pequeno limão desta cor que vem do Irã após ficar um mês no deserto secando. 
O senhor que nos recebe na porta e que eu chamaria de chefe de sala, é um dos responsáveis em converter esta experiência em inesquecível. 
Não é um doce barato, mas vale cada centavo 😉

#cedricgrolet #parisfood #parislovers #doce #paris
  • Tão legal estar de bobeira e de repente, dar com ela 🤗 qual é teu lugar favorito para fotografar a torre?

#toureiffel #paris #parislovers

Follow Me!