• O que fazer em Curitiba
  • Guia Museu do Prado
  • Saiba + sobre o Caderno de Viagens
Posts da categoria: ‘Paraguai’

Marco das Três Fronteiras – Brasil, Paraguai e Argentina

Postado em 17.abril.2009

Uma visita à Foz está cheia de boas surpresas, desde o Templo Budista até um lugar em que você pode ver três países ao mesmo Tempo? UAU! A 6 Km do centro de Foz se encontra o Marco das Três Fronteiras – Brasil, Paraguai e Argentina.
Triplice Fronteira

Em cada país se construiu um obelisco pintado com as cores nacionais. Além da emoção de vislumbrar três países ao mesmo tempo, você vê o encontro do Rio Iguaçu e do Rio Paraná. Você pode até fazer uma visita vapt-vupt. Mas tente ver os painéis que contam um pouco da história e geografia da região. Sem contar, que no painel sobre os índios, você pode ler a linda lenda sobre a criação das Cataratas e tirar um foto com o amor da sua vida encarnando os protagonistas da lenda.
Marco das tres Fronteiras
Este painel tem tudo a ver com o local, mas o que você diria do outro? A la Carmen Miranda (risos).
Foz do Iguaçu

Eu tenho uma confissão: eu amo estes painéis aonde você coloca a cabeça para se fotografar como um personagem, um animal, … acho que mais prá frente irei fazer uma compilação das minhas fotos “paga mico”!

Informação prática
Localização – Fiz um mapinha do centro de Foz para as Três Fronteiras. Escolhi como ponto de referência o Mercure Internacional, que é aquele hotel redondo enorme e fácil de localizar. Deste ponto de referência são 7,3 Km. Para ver o mapa , clique aqui.
Tarifa – grátis
Horários – Verão – 09:00 às 19:00 horas /Inverno – 09:00 às 18:00 horas

Fotos: turomaquia_2005

Compras no Paraguai e na Argentina

Postado em 15.abril.2009

A maioria dos turistas que visitam as maravilhas de Foz do Iguaçu e arredores, acaba sucumbindo à tentação de fazer algumas comprinhas nos hermanos paraguaios e/ou argentinos.

As melhores compras você faz do outro lado da fronteira com o Paraguai. Ótimos preços em eletrônicos, perfumes, bebidas, mas cuidadim, não se emocione muito porque se você passar da quota de U$ 300,00 terá que pagar imposto. Mas a verdade tem que ser dita, algumas vezes até pagando o imposto, a compra vale a pena.

As lojas que recomendo são: Americana, Monalisa e China, e se cruzar de carro pare no estacionamento da Americana. É pago, mas garantido!

De qualquer forma, se você estiver viajando de carro não deixe de regularizar suas compras (mesmo inferiores a U$ 300,00) na Polícia Federal, porque quando você realiza esta regularização eles emitem um papel que você mostra na estrada caso algum agente te pare em alguma barreira da Polícia Federal (e as vezes há várias). Mas se você parar nesta barreira e tiver algum objeto que não estava declarado, também terá problemas. Assim, nada de “esquecimentos”, eles podem sair caro!

Para regularizar as compras, leve sua identidade e o CPF. Outra coisa, cada pessoa somente pode regularizar mercadorias a cada (3 meses – já não é mais) 30 dias. Isto significa que para voltar a comprar “legalmente” por lá, terá que esperar passar os ditos três meses. Ah, se você viajar de avião, tua quota é de U$ 500,00, uma baita injustiça!

Agora se você quiser comprar cashemir, frios, azeitonas, algumas peças de couro, alfajor, frutas secas, atravesse a fronteira com a Argentina. Se quiser ver peças de grife em um ambiente mais “cool” e claro mais caro vá ao duty-free que fica bem na fronteira.

Se estiver de carro, abasteça no lado argentino, a gasolina é bem mais barata que a nossa! O que também é incrível, já que nós temos nossa querida Petrobrás …

Para ler todos os posts da Tríplice Fronteira, clique aqui.

fotos: turomaquia_2005

Últimos Comentários