Guias de Viagem e Arte

 
 
jul 03 2008

A viagem à Zaragoza

A nova visita à Zaragoza foi incrível, mas começou de uma maneira nada frugal! Sai da minha casa a uma da madrugada de terça-feira. Peguei um táxi até a Estação Central de Ônibus de Las Palmas, para pegar o ônibus que vai até o aeroporto. Meu avião saiu às 2:55, é que os vôos noturnos são muito mais baratos, e coloca mais barato nisso! Cheguei em Madrid, no terminal novo T4, horário de Madrid às 6:30, por quê horário de Madrid? Porque as Ilhas Canárias estão na mesma faixa horária de Londres e Portugal e portanto, uma hora a menos que a Espanha peninsular.

As malas demoraram a sair, porque paramos no anexo do novo terminal e as malas saiam na parte principal do edifício. Esta nova terminal é enorme! Depois utilizando o metrô, e parando em Atocha (uma estação de trens) para deixar minhas coisas no locker, consegui chegar no Ministério de Assuntos Exteriores às 8:50. Daí fui ao Consulado brasileiro, e depois correndo ver a exposição de Mucha na Caixa Forum Madrid. Às 16:30 saiu meu trem para Zaragoza, fui de AVE, o trem rápido espanhol. E uma hora e dez minutos depois, cheguei em Zaragoza Delícias, a estação de trens e ônibus da cidade. O bilhete normal do AVE – classe turista, sai por 50€, mas se comprar uns 30 dias antes da viagem por Internet pode conseguir por 20€, e só entrar na www.renfe.es.(Clique na imagem da página da RENFE para vê-la melhor!)

Assim, depois de todo este périplo, cheguei por fim à Zaragoza, e reencontrei meu maridinho – Tom!!! Mas neste mesmo dia, já tive uma grata surpresa aragonesa!

Imagens: Renfe e Turomaquia_2008
Video by Turomaquia_2008

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

Instagram has returned invalid data.

Follow Me!