Guias de Viagem e Arte

 
 
mar 01 2017

Roteiro pelo bairro de Triana | Roteiro Sevilha #1

Roteiro pelo bairro de Triana. Onde você vai conhecer a alma sevilhana. Não é um passeio para ver a Sevilha de arquitetura mais monumental, que se encontra do lado do rio. Mas para entender o que significa ser sevilhano.
Roteiro pelo bairro de Triana
Cruze a Ponte de San Telmo. Encontrará no outro lado do rio a Plaza de Cuba. Onde está um edifício fundado em 1574 – Convento de los Remedios. Atualmente alberga o Museu de Carruagens.

Pegue a Calle Bettis, a rua mais emblemática do bairro de Triana. Na verdade era o nome pelo qual os romanos chamaram ao rio, hoje Guadalquivir. O mais bonito é ver à distância e na sua grandeza os monumentos que estão à outra margem.

Pegue a Calle Pureza, verdadeira artéria espiritual do bairro. Nela além de igrejas, encontrará a Casa de las Columnas. Construída no século 16 para albergar a Universidad de Mareantes, local onde se formavam os pilotos e navegantes que iam para as Indias. Atualmente é o Centro Cívico de Triana.

Entre na Calle Jacinto, uma rua com muita personalidade. Onde se encontram outros dois monumentos religiosos, a Capela de la Virgen de la Estrella e a Parróquia de San Jacinto. Desta rua, para a Calle Alfareria, onde convivem numerosos atelies de cerâmica, nos quais sobrevive grande parte da tradição artesã do bairro.

Esta rua está cheinha de bares!

Dois edifícios se destacam, na própria Rua Alfarería. No número 23 – a Fábrica de Cerámica Montalván. E ao lado, no número 21, outra casa que vale a pena apreciar seu exterior. Já na Calle San Jorge, vemos uma outra bonita fachada na Cerâmica Santa Ana.

Vire à direita no ponto mostrado no mapa, para encontrar a Calle de Castilla. Em seu número 16, verá o Corral de Flores, um dos antigos “corrales de vecinos” que ainda conserva seu aspecto original.

Os corrales eram pátios em cujo centro se costumava encontrar uma fonte. No patio se estendiam corredores onde encontrávamos as salas, as residências das pessoas que moravam no lugar. Com a forte imigração era necessário adaptar rapidamente os edifícios para receber estas pessoas que chegavam à cidade.

Roteiro pelo bairro de Triana

Recomendação de uma grande tasca para comer tapas: Pura Tasca, na Calle Numancia, 5.

Roteiro pelo bairro de Triana
Roteiro pelo bairro de Triana

Cruze novamente ao outro lado do rio pela Ponte Isabel II, mais conhecida como Ponte de Triana. Sua construção data de 1845.

Já fora de Triana,  caminhe pela margem do rio até a Puerta de Jerez. Assim passará pela Maestranza, onde acontecem as touradas e também pela Torre del Oro.

A Torre del Oro foi construída na época muçulmana, entre 1220 e 1221 pelo governador Abù-l-Ulà. Tem planta dodecagonal e mede 36 metros de altura. Formava parte da muralha que defendia ao Alcázar. Atualmente alberga o Museu Naval. O mais interessante é a vista que se têm desde seu terraço.
Horários: de segunda a sexta-feira das 9:30 às 18:45 horas. Sábado e domingo das 10:30 às 18:45 horas.
Tarifa: 3€ | Estudantes – 1,5€
Roteiro pelo bairro de Triana

Clique aqui, para ver todos nossos posts da Andaluzia

Busque e reserve seu hotel em:
Córdoba | Granada | Sevilha | Assim você conseguirá ótimos preços, poderá cancelar sem taxas sua reserva (excepto em alguns casos quando se tratam de promoções!) e ainda ajudará a manter atualizado este blog. Obrigada

Nem pense em viajar sem seguro, a gente facilita as coisas te oferecendo um desconto de até 60% \o/ Clique aqui, e escolha um dos cupons de desconto durante o processo da compra.

 

Postado por Patricia de Camargo | Marcadores:

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Trailer de mais um vídeo da “Odisseia Grega” no YouTube - Patricia de Camargo. Link na bio, te espero por lá 👁

#greecelovers #atenas #vlogatenas #acropoledeatenas #grecia
  • Vistas da Acrópole. O templo grego mais bem preservado do mundo, o de Hefesto 🏛

#greecelovers #templodehefesto #atenas #greciaantiga #mundoantigo
  • Muita gente me diz que sítio arqueológico é só pedra e mais pedra. Mas que nada, são aquilo que a gente foi, são pilhas da nossa memória coletiva, são nossa chance de entender como chegamos até aqui e de que forma queremos ser lembrados em 200 anos quando outros homens e mulheres caminharem pelas ruínas do nosso legado 🙌🏼 #greecelovers #acropolis #atenas #artegrega #estilojonico
  • Dica de Sevilha: café da manhã na tradicional “La Campana” fundada em 1885. O lugar é bonito, gostoso e oferece uma boa relação custo x benefício . Gastamos 13,10€ por 2 sucos de laranja natural, 2 cafés e 2 mistos. 
Também é um ótimo lugar para comer um doce tradicional ou comprar um presente gostoso 😉

Abre todos os dias das 8:00 às 22:00 horas.

#sevilha #lacampana #ondecomersevilha #espanhalovers
  • Esta é a Nova Iorque florida que me deparei numa viagem que realizei nas primeiras duas semanas de maio. Linda demais 💕💕💕 #newyorkflowers #beautifulstreet #centralparkmoments #estadosunidos #novaiorque
  • Qual é seu ponto favorito do Central Park em New York? Eu acho lindo de morrer,  o lugar onde fica uma das maiores fontes da cidade, a Bethesda. 
Também conhecida como "Anjo das Águas", foi o primeiro trabalho de arte pública encomendado a uma mulher. Neste caso, a artista Emma Stebbins, que desenhou a fonte em 1868, sendo inaugurada em 1873.

A gente vê um anjo de bronze de dois metros e meio de altura que carrega um lírio e com a outra mão abençoa a água. Tem um referência bíblica ao evangelho de João que fala de um anjo que abençoa a piscina de Bethesda, conferindo-lhe poderes de cura. 
Debaixo do anjo vemos 4 querubins que representam a pureza, a saúde, a temperança e a paz.

É legal chegar junto à fonte cruzando por debaixo das arcadas da Bethesda Terrace, criada em 1860, um desenho de Jacob Wrey Mould. Debaixo dos arcos costumam se apresentar músicos, já vi um concerto melhor que o outro.

A fonte se encontra mais ou menos no meio do parque na altura da rua 72.

#bethesdafountain #centralpark #newyorklovers #mulheresnaarte #emmastebbins

Follow Me!