Guias de Viagem e Arte

 
 
jan 26 2013

O que fazer em Lanzarote – Parque Nacional de Timanfaya

Parque Nacional de Timanfaya - Lanzarote

Meu caso com Lanzarote foi de amor à primeira vista. Em nosso primeiro encontro, eu era uma estudante de doutorado a ponto de um colapso financeiro. Meu cartão de crédito não tinha mais fôlego. Mas acho que foi o momento da minha vida que estive mais receptiva e amigável. No barco que me levava de Las Palmas a Arrecife comecei uma amizade que se converteria em uma das mais importantes para mim.

Neste compasso de sensibilidade à flor da pele era o momento adequado para conhecer esta ilha que me fascinava à distância. Por estórias, como que o vento incessante e inclemente enloquecia a seus habitantes. E por relatos históricos como o de Figueroa.

Quando li pela primeira vez o parrágrafo que inicia este post, fiquei imaginando como seria uma ilha que no século 18 sofreu erupções vulcânicas contínuas por 6 anos. Erupções que alteraram sua forma e ¼ de todo seu território.

É só sair dos limites da capital Arrecife, para começar a ver os “campos” de lava. Mas é no Parque de Timanfaya que a imersão é total. No 3º. parque nacional mais visitado da Espanha todas as palavras de Alberto Vázquez Figueroa ganham mais sentido. O conceito de erupção vulcânica tão abstrato para uma paranaense ganha cores e formas beeem reais.
Parque Nacional de Timanfaya - Lanzarote

O Timanfaya é enorme, e como os outros centros de arte e cultura da ilha teve o dedo do artista César Manrique. Entre suas aportações, o diabo que anuncia a entrada ao espaço protegido. Para vasculhar boa parte do parque é preciso 1 dia de visita. Para uma introdução, ao menos 4 horas.

Nesta primeira visita cheguei ao Timafaya com uma excursão para os estudantes da Universidade de Verão. De manhã havia estado entre o patrimônio artístico de México, com um dos professores de História da Arte mais apaixonados que conheci, e de tarde lá estavam as Montanhas de Fogo. Tal qual Lanzarote e seus contrastes.
Parque Nacional de Timanfaya - Lanzarote
Parque Nacional de Timanfaya - Lanzarote
Parque Nacional de Timanfaya - Lanzarote

Guia de Visita do Parque Nacional de Timanfaya
Parte 1 – Centro de Visitantes e de Interpretação de Mancha Blanca

Veja todos os posts de Lanzarote, clicando aqui.

Busque e reserve seu hotel em Lanzarote, clicando aqui. Assim você conseguirá ótimos preços, poderá cancelar sem taxas sua reserva (excepto em alguns casos quando se tratam de promoções!) e ainda ajudará a manter atualizado este blog. Obrigada!

Chamada video 2

fotos: turomaquia_2012_2002

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Post novo e fundamental para quem vai visitar Bruxelas - como se locomover pela cidade. Inclui preços, como usar o cartão do transporte público, aplicativos e mapa. Link na bio ou visite o www.turomaquia.com. 
#belgicalovers #bruxelas #grandplace #dicasdeviagem
  • Oiiii, hoje temos bate papo ao vivo sobre arte. Às 19:00 horas no YouTube Patricia de Camargo. Mais tarde vou colocar o link direto no Twitter do Turomaquia e no Facebook. E aqui na bio 👈🏽 Compartilhe este vídeo com aquela pessoa que você sabe que ❤️ arte!

#renascimento #venezalovers #tiziano #arteemveneza #lendoarte
  • 14 obras que você não pode perder em um dos museus mais importantes da Itália, a Accademia de Veneza. Guia gratuito by Patricia de Camargo 😉no www.turomaquia.com 👈🏽 #accademiadevenezia #venezalovers #guiademuseu #arte365 #historiadaarte
  • Tenho uns clientes maravilhosos! Olha o carinho da Bruna e do Bruno que se lembraram de mim em Paris e me enviaram estas fotos lindas 💕💕💕 Prá quem chegou aqui há pouco tempo, os Cadernos de Viagem Turomaquia (CVT) são guias personalizados. 
#turomaquia #paris #guiapersonalizado #guiadeviagem
  • Já estou produzindo o primeiro vídeo de Veneza para a continuidade da série “il dolce far niente”, o que você gostaria de ver nos vídeos de Veneza?

#laserenissima #venezalovers #veneza #italialovers #beautifulstreet
  • Dica Madri: tomar café da manhã ou um lanche no delicioso @mamaframboise Não deixe de provar o croissant de framboesa. O local mais tradicional é o da Calle Fernando VI, 23. 
Este endereço combina com uma visita às exposições da @mapfrefcultura ou ao Museu Arqueológico Nacional.

Qual é tua recomendação de confeitaria ou café em Madri?

#mamaframboise #madridlovers #foodporn #madri #madridfoodie

Follow Me!