Guias de Viagem e Arte

 
 
jun 25 2012

Madona em Barcelona

Fazia um calor do demônio. Antes de entrar no recinto olímpico, um big cachorro quente e uma coca-cola gigante. Às 20:00 horas sem tumulto ou grandes filas, e ainda com muito sol, entramos no Palau Sant Jordi.

Representantes das mais diversas idades. Desde adolescentes acompanhados pelos pais a senhores mais experientes de 50/60 anos. Para esquentar um DJ, que sinto muito mas não lembro o nome.
Madona em Barcelona 2012

Uns 20 minutos depois do horário regulamentar tudo fica escuro. Uma luz tênue ilumina um gigante incensário, como o bota-fumeiro de Santiago de Compostela. Começa a estória, estamos numa catedral gótica altíssima. Atrás o telão mostra os arcos pontiagudos. Uns ajudantes de padre começam a movimentar o “bota-fumeiro” e no fundo soa um canto quase gregorian. O som vai aumentando. As paredes da catedral se abrem e envolta numa luz branca surge a diva.
Madona em Barcelona 2012

A primeira música acaba com um tiro que rompe um cristal virtual. As primeiras canções formam um bloco compacto onde se joga o tempo todo com a morte. É muito forte. A artista atira para todos os lados. Na tela gigante do fundo, o sangue da matança é ampliado, num jogo que leva o público ao delírio, e a mim me assusta. Não consigo fazer nenhum video ou foto, porque cada tiro leva a um grito da multidão, e a uma acelerada do meu coração. Estamos dentro de um filme de Tarantino. Madona é Kill Bill num quarto de hotel.
Madona em Barcelona 2012

Acaba a potente e assustadora parte inicial. ELA se retira para a troca de roupa, aliás o que acontece 7 vezes durante o show. Mas continua onipresente. No telão de fundo, imagens antigas daquela Madona de saia tutu e jaqueta jeans, voltamos aos anos 80.

O show dá um giro. A estrela aparece vestida como cheerleader. Na tela imagens de pop art e de publicidade vintage. Dou uma relaxada. Passo a interessar-me pelas coreografias que são perfeitas, sincronizadas. E o que esta mulher faz com o corpo é outro espetáculo. Alguns vão pensar que exagero, mas é uma mulher renascentista.

O show continua, ela conversa com a platéia, ou melhor, domina a massa. E de repente faz uma versão alucinante e totalmente modificada de “Like a Virgin”. Aqui sua voz é a estrela.

Ela vai e vem num ritmo cirúrgico. Numa destas voltas ao cenário ela nos leva à India. Otra religiosidade, num bloco que acaba com um mantra entoado por três homens. Até aqui, estive várias vezes ao borde do choro, porque me sentia dentro de uma performance gigantesca que chegava a me levar a exaustão, porque o show é isso, pura arte. E então voltamos à catedral, e já não pude me conter, o que começa quase a capela, vai sendo levado ao momento “solta os bichos” quando um coro surge no palco: “When you call my name. It’s like a little prayer.I’m down on my knees. I want to take you there. In the midnight hour. I can feel your power. Just like a prayer. You know I’ll take you there”. Neste exato momento me rendi à Madonna Louise Veronica Ciccone.

Tanto que no final colorido, já estava entorpecida. Imaginem meu estado de transe, que ao terminar o show, fui direto à loja do evento. Necessitava uma lembrança palpável deste momento memorável. Dio santo, que horror, isso significa que agora sou fã de carteirinha? 🙂
Camiseta da madona 2012

Chamada video 2

Para ler todos nossos posts de Barcelona, clique aqui.
O que fazer em Barcelona - Guia (ebook)

videos e fotos: turomaquia_2012

4 Comentários

  1. Ana Catarina Portugal

    Este seu post foi pura tortura para mim, rsrsrs. Já tenho meu ingresso comprado para o show dela aqui no Rio, mas será só 1º de dezembro: falta MUITO tempo!!!
    Ler isto aqui só me deu vontade de que o tempo voe… 🙂
    Bjs

    responder
    • Patricia de Camargo

      jejeje Ana, desculpa aí 😉
      Foi muito melhor, e coloca muito nisso, do que eu esperava!

      responder
  2. Mesi

    Me encantó el relato, lo poco que vi del show y TU CAMISETA!!! ¡Está muy guapa!.. y te queda muy bien Pati.

    responder
  3. virginia camargo

    Uau que emocao…………eu fiquei sem respirar imagino vc e Tom ao vivo muito bom.

    responder

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • O ano começou assim com esta cara de temporal, mas parece que logo, logo vai abrir sol 😉 Prá ser justa com a situação, estou neste momento vivendo uma linda, louca e motivante primavera! Brigaduuuu 🙏
  • Alerta laranja nas Ilhas Canarias por vento e temporal. Coisas da natureza 😉 Espero não sair voando durante minha ginástica kkkkk

#canaryisland #grancanaria #beachlife🌴🌞🌊🏄👌💁 #lascanterasbeach #laspalmasdegrancanaria
  • Que hambúrguer minha gente: carne de primeira + tomate seco + um bom pedaço de muçarela + pesto + rúcula. O nome mais que adequado: La vida es Bella 🍔🍟 #criar 6/359

#laspalmasdegrancanaria #triana #200gramos #hamburguer #foodporn #canaryisland #grancanaria
  • Meu companheiro no Top100Arte desta semana. Acho que todo mundo em algum momento da sua vida se sentiu tal qual o personagem desta ponte! Para saber mais, clique no link da bio ou vá ao meu canal do YouTube: Patricia de Camargo.

#Top💯Arte #historiadaarte #munch #expressionism #arte
  • Entre 1870 e 1906, Cézanne trabalhou o tema dos banhistas. Foram mais de 200 desenhos, gravuras e telas a óleo. Por que ele pintou este tema? Por que Cézanne é tão importante para história da arte? Isso e muito mais no novo vídeo  do TOP100Arte de hoje no YouTube: Patricia de Camargo ou clique no link da bio 👈

#arte #cezanne #posimpressionismo #artemoderna #historiadaarte #Top💯Arte
  • Uma rua qualquer de Las Palmas 🌴🌴🌴 que acaba no mar #criar 5/360

#lascanterasbeach #laspalmasdegrancanaria #beachlife🌴🌞🌊🏄👌💁 #canaryisland

Follow Me!