Guias de Viagem e Arte

 
 
dez 17 2008

Delfos: o museu

No final do post de ontem, estávamos caminhando ao Museu de Delfos. Se você tem pânico a museu, relaxa. Este museu é bem montado, interessante e não é grande. E também é imprescindível para depois entender o sítio arqueológico, por quê? Porque todas as esculturas e os tesouros que eram presenteados ao Oráculo estão no museu. E o museu explica os edifícios que depois você verá na visita à “antiga Delfos”. A entrada para o museu e o sítio arqueológico custa 9€.

O que nós fizemos foi visitar o museu e deixar o santuário para o dia seguinte, e imagina que neste lugar você verá um montão de coisa que estudou quando estava na oitava série! É tão estranho de repente estar cara a cara com todos estes anos de história e relembrar aquele teu professor e entender porque ele contava tudo aquilo com tanta paixão!

O museu tenta recriar a atmosfera dos principais edifícios do santuário de Delfos. É certo que Delfos ganhou fama no século VIII a.C., mas sua história é bem anterior e data do princípio do terceiro milênio a.C. , isso mesmo, 3.000 a.C. No ano 1.400 a.C se tem notícia que aí já existia um oráculo que realizava adivinhações, mas nesta época era um santuário feminino, dedicado a Gea o a Atenea. Já em seu momento de esplendor era um santuário dedicado ao deus Apolo. E era o próprio deus quem falava através da boca de uma Pitia. Ao princípio o oráculo dava conselhos somente uma vez por ano, mas depois como a clientela aumentou, passou a dar conselhos todo dia sete de cada mês, exceto nos meses de inverno. A Pitia era uma mulher com mais de 50 anos, que a partir do momento que se responsabilizava pelo oráculo, abandonava marido e filhos. Sempre levava roupa branca e tinhas umas regras estritas de vida.

Você verá que várias cidades possuíam templos e embaixadas em Delfos, porque assim podiam consultar o oráculo quando tinham vontade. E para mostrar seu agradecimento, o santuário recebia muitos presentes, que podiam ser até esculturas de ouro maciço, como um leão de 250 quilos de peso. Muitos dos objetos eram como os ex-votos que as pessoas levam hoje em dia a algumas igrejas importantes para demonstrar sua gratidão. Mais aqui, na maioria dos casos a gratidão estava relacionada com a vitória em batalhas! O oráculo não era uma mera vidente do mundo antigo, ele decidia por exemplo se valia a pena formar uma colônia grega em determinado lugar!

O museu vai te ajudar a entender tudo isso, e a última peça que você verá é a famosa obra-prima da arte grega antiga. O Auriga de Delfos! É muito lindo!!! Vai fazer você lembrar um pouco do filme Ben-Hur, lembra das corridas de quadrigas? Um clássico. Então aqui você verá um dos corrredores destas competições prestigiosas e atrativas que se realizavam durante os Jogos Pan-Helênicos. Imagine que esta escultura de bronze foi realizada em 478 a.C., e ademais do corredor (aurigas) também formavam parte o carro e os cavalos. Em 1896, durante umas escavações francesas, encontraram o aurigas e umas partes do cavalo e do carro. Sabe aquelas coisas que você olha e não é capaz de tirar os olhos? Esta escultura tem este poder, magnetiza o espectador!


Vista de uma janela do museu


Ao fundo o Museu de Delfos

Museu de Delfos - Grécia
Na parte externa: cafeteria-lanchonete e loja de souvenirs e livros

Veja e reserve hotéis em Delfos, clicando aqui.

Na próxima matéria, estaremos com Apolo na antiga Delfos!

Destaques do post:
Museu de Delfos
Auriga de Delfos – arte clássica grega
O que ver em Delfos

Leia também:
Um sonho com tempero grego: escapada desde Atenas

Quer ficar sabendo quando saem os próximos posts?
Então curta nossa página no Facebook, clicando aqui.
Siga o nosso Twitter @turomaquia.
Veja nossas fotos no Instagram – Turomaquia.

Fotos: turomaquia_2008

Postado por Patricia de Camargo | Marcadores:

2 Comentários

  1. Claudia Pimenta

    oi patricia! este é um dos must-see absolutos!!! como conhecer a grécia sem ir ao museu de delfos? deve ser maravilhooooso mesmo! bjs, querida!

    responder
  2. Patricia de Camargo

    Claudia, este museu é incrível. A montagem é didática e facilita a compreensão deste período tão importante da história da humanidade!Beijos

    responder

Siga o Turomaquia no Instagram

Instagram

  • Oiiii, hoje temos bate papo ao vivo sobre arte. Às 19:00 horas no YouTube Patricia de Camargo. Mais tarde vou colocar o link direto no Twitter do Turomaquia e no Facebook. E aqui na bio 👈🏽 Compartilhe este vídeo com aquela pessoa que você sabe que ❤️ arte!

#renascimento #venezalovers #tiziano #arteemveneza #lendoarte
  • 14 obras que você não pode perder em um dos museus mais importantes da Itália, a Accademia de Veneza. Guia gratuito by Patricia de Camargo 😉no www.turomaquia.com 👈🏽 #accademiadevenezia #venezalovers #guiademuseu #arte365 #historiadaarte
  • Tenho uns clientes maravilhosos! Olha o carinho da Bruna e do Bruno que se lembraram de mim em Paris e me enviaram estas fotos lindas 💕💕💕 Prá quem chegou aqui há pouco tempo, os Cadernos de Viagem Turomaquia (CVT) são guias personalizados. 
#turomaquia #paris #guiapersonalizado #guiadeviagem
  • Já estou produzindo o primeiro vídeo de Veneza para a continuidade da série “il dolce far niente”, o que você gostaria de ver nos vídeos de Veneza?

#laserenissima #venezalovers #veneza #italialovers #beautifulstreet
  • Dica Madri: tomar café da manhã ou um lanche no delicioso @mamaframboise Não deixe de provar o croissant de framboesa. O local mais tradicional é o da Calle Fernando VI, 23. 
Este endereço combina com uma visita às exposições da @mapfrefcultura ou ao Museu Arqueológico Nacional.

Qual é tua recomendação de confeitaria ou café em Madri?

#mamaframboise #madridlovers #foodporn #madri #madridfoodie
  • A maioria das cidades já oferece um cartão turístico para visitar seus atrativos. Muitos realmente não valem a pena, mas será que o Innsbruck Card vale o que custa? A resposta no post de hoje no www.turomaquia.com ou clique no link da bio. 
#myinnsbruck #innsbruckcard #innsbrucklovers #austrialovers #casascoloridas

Follow Me!